A maioria das pessoas possui crenças que se contradizem sem saber que estão se contradizendo.

No mundo dos investimentos esse vieses cognitivos são amplamente percebidos.

Alguns investidores afirmam que seguem uma estratégia de ações de qualidade, mas têm ações com gestão problemática na carteira. 

Outros se dizem investidores de valor, mas possuem empresas negociando a Preço/Lucro de 3 dígitos na carteira.

Como Escolher Boas Ações? Baixe o Checklist de 5 Critérios para Analisar Ações.

Existem aqueles que dizem que possuem perfil arrojado, mas na primeira queda do mercado vendem as ações para se refugiar na renda fixa.

Nada disso faz sentido, mas as histórias que podemos contar para nós mesmos são capazes de nos convencer de que estamos certos. E aí mora um perigo.

Sei o quanto é difícil manter convicção em uma estratégia pré-definida quando existem tantos influencers, das mais variadas vertentes, trazendo “novas oportunidades” todos os dias.

Não que haja problema nisso em si, mas para quem está querendo investir de maneira coerente, o excesso de informação (mesmo que de qualidade) pode atrapalhar.

Para que você seja capaz de gerar riqueza, você precisa ser fiel à sua estratégia, independente das intempéries do mercado.

Você precisa ter em mente que a simplicidade e a disciplina são essenciais para que você se mantenha vivo e com resultado satisfatório no mercado.

A carteira de ações do canal Joias da Bolsa, por exemplo, segue uma de várias estratégias que seriam possíveis de serem adotadas.

Em nenhuma hipótese mudamos essa estratégia de investimentos.

Ela é inspirada no Value Investing de Benjamin Graham e seguimos na ponta do lápis os ensinamentos ensinados por ele.

Como Escolher Boas Ações? Baixe o Checklist de 5 Critérios para Analisar Ações.

Nessa carteira de ações, o objetivo é comprar ações pagando o menor preço possível e consequentemente gerando uma enorme margem de segurança.

E sabemos: nem toda ação que apresenta queda no preço está barata, assim também como nem toda ação que o preço sobe, se torna cara. 

É preciso avaliar o que realmente é uma oportunidade e o que apenas parece ser. 

E existe método para isso. E é exatamente isso que praticamos no canal Joias da Bolsa

Basicamente, esse método consiste em analisar as empresas em 4 eixos:

  • Estrutura financeira;
  • Eficiência operacional;
  • Atratividade do preço;
  • Qualidade da gestão.

No eixo da estrutura financeira, vale analisar o ROE, Dívida Líquida/Patrimônio Líquido e Liquidez Corrente.

O objetivo é encontrar uma empresa com capacidade de gerar valor ao negócio e com dívida saudável, que não crie um risco futuro para a empresa.

No eixo da eficiência operacional, recomendo que você analise a margem operacional e a geração de caixa operacional.

Afinal, não adianta uma empresa vender muito se os custos de venda consomem todo o resultado. 

Em uma empresa ineficiente ninguém quer investir. 

No eixo relativo à atratividade do preço, considere observar os múltiplos fundamentalistas como preço/lucro e EV/Ebitda.

Através dos múltiplos podemos comparar a empresa com seus concorrentes e com seu próprio histórico, verificando se a ação está negociada a preços descontados

Por fim, sobre o eixo da qualidade da gestão, vale analisar a experiência dos gestores e a compatibilidade com o desafio atual do negócio.

Além disso, é importante observar a capacidade de cumprir com o que é apresentado no guidance anual.

Para simplificar, entenda o objetivo de cada análise na tabela abaixo:

EixoIndicadoresValorAvaliar
Estrutura FinanceiraROE>12Capacidade de gerar valor
Estrutura FinanceiraDívida Líquida/PL<1Endividamento está saudável 
Estrutura FinanceiraLiquidez Corrente>1Capacidade de honrar o curto prazo 
Eficiência OperacionalMargem OperacionalAcima da média do setorEficiência de gerar retorno
Eficiência OperacionalGeração de caixa operacionalPositivoSe a empresa é sustentável
Atratividade do preçoPreço/LucroAbaixo da média do setorSe a empresa negocia com desconto
Atratividade do preçoEv/EbitdaAbaixo da média do setorSe a empresa negocia com desconto
Qualidade da gestãoExperiência dos gestores-Histórico compatível com a atividade
Qualidade da gestãoExecução-Entrega anual de acordo com o guidance

Onde Investir na Queda da Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora.

Vale mencionar que no canal Joias da Bolsa, nos permitimos sutis exceções e consequentemente quebra de algumas dessas regras.

Isso é possível porque há uma equipe de analistas profissionais certificados e experientes.

Não recomendo que você faça o mesmo se estiver começando a investir.

Independente de quebra ou não de regras, esse método vem colaborando para que a carteira de ações tenha uma rentabilidade muito superior ao Ibovespa:

Retorno acumulado da carteira Joias da Bolsa x Ibovespa
Comparação de retorno acumulado da carteira Joias da Bolsa x Ibovespa.

Convicção, disciplina e uma estratégia aplicável poderão te entregar grandes retornos no longo prazo

Os assinantes dos Joias da Bolsa estão sentindo no bolso esse retorno.

Informe o DDD + 9 dígitos