O que é Taxa de Cupom?

Uma taxa de cupom é um pagamento de juros anual, que é emitido pelo dono do título para quem irá portar os títulos no fim do tempo de vencimento. Com isso chegando à taxa de juros, que são as taxas que são cobradas sobre o pagamento pela instituição financeira ao devedor do título.

Em geral, as taxas de cupom são geradas em renda fixa, títulos, hipotecas, entre outros.

Normalmente o período de vencimento da taxa de cupom é gerado pelo portador no período inicial de emissão do título.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Com isso, o cálculo da taxa cupom é dado da seguinte maneira:

Taxa de cupom = valor do cupom / valor nominal

Transformando isso em palavras, o cálculo da taxa cupom é dividindo o valor total dos pagamentos anuais feitos sob um título pelo valor de face do título em seu início. 

O que é Cupom de título de renda fixa?

O cupom representa o pagamento periódico de juros de um título de renda fixa.

Em outras palavras, quando um investidor compra um título com cupom significa que ele não precisará esperar até o vencimento do título para receber a rentabilidade dos seus capitais de volta. 

Essa modalidade de remuneração é interessante para aqueles que vão precisar de pagamentos periódicos dos juros para gastar com outras coisas.

Porém, esse pagamento periódico pode ser reinvestido nos títulos, o que dará um retorno adicional no final do prazo total.

O que é Taxa de Juros?

A maioria das pessoas já ouviu falar sobre a taxa de juros, contudo, apesar de ser um termo muito popular, grande parte dessas pessoas não conhecem o funcionamento da taxa de juros.

A taxa de juros pode ser entendida como um prêmio, ou melhor, uma remuneração para quem realiza um investimento ou disponibiliza um empréstimo, por exemplo.

O entendimento do juro deve ser feito analisando a relação do dinheiro no tempo, ou seja, é uma compensação pelo período de tempo que o dinheiro ficou investido ou emprestado.

Para facilitar a compreensão, imaginemos o seguinte exemplo:

Um indivíduo que pega um valor de R$ 10 mil emprestado junto ao banco, por doze meses, terá uma taxa de juros que incidirá sobre o valor desse empréstimo.

Vamos supor que a taxa de juros cobrada pelo banco seja de 10%. Nesse caso, o juro que irá incidir sobre o valor do empréstimo.

Ao final do período de doze meses, o tomador do empréstimo terá que pagar um montante de R$11 mil ao banco.

Ou seja, o indivíduo terá que pagar R$ 1 mil de juros pelo empréstimo obtido pelo banco.

Portanto, a diferença entre o montante que será pago ao banco e o valor do empréstimo se refere aos juros que deve ser pago pelo tomador do empréstimo.

Diferenças entre a Taxa de Cupom e a Taxa de juros

A diferença entre a taxa de cupom e a taxa de juros é que a taxa de cupom tem uma taxa fixa ao longo da vida do título. Junto a isso, a taxa de juros se altera de acordo com os rendimentos dos títulos. 

A taxa do cupom é a taxa anual do título que deve ser pago ao titular. Além disso, depende do valor nominal, ou seja, o valor nominal da banda durante o período de emissão. Logo após isso, não haveria alteração no pagamento, já que a taxa é fixada integralmente até o vencimento do título. 

No outro lado da moeda, a taxa de juros é o capital a ser adicionado pelo credor para extrair o capital emprestado do tomador.

O pagamento será crescente de acordo com a taxa de juros aplicada pelo credor. Ao contrário da taxa de cupom, a taxa de juros pode mudar seu valor a cada período.