O que é Neutro ao risco

Neutro ao risco é um termo que define o investidor que não leva em consideração o risco de um investimento como fator determinante.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Para o investidor Neutro ao risco, a oportunidade de ganhos é um fator que tem muito mais peso no momento de escolher onde ele irá investir o seu dinheiro.

Essa atitude de neutralidade quanto a investimentos geralmente faz desse investidor mais diversificado em sua carteira.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Investidor Neutro ao risco

Um investidor Neutro ao risco possui um perfil psicológico e comportamental muito mais equilibrado que a média dos investidores que é avessa ao risco.

Ser Neutro ao risco significa ter disposição para sofrer perdas, porém, ao mesmo tempo, querer ter em mãos todas as informações mais pertinentes sobre o investimento.

Portanto, um investidor que exibe traços de neutralidade quanto às suas decisões financeiras, geralmente está sempre buscando equilíbrio nos seus investimentos.

Esse equilíbrio, por sua vez, é refletido em uma carteira de investimentos mais diversificada, conteúdo produtos de renda fixa e renda variável.

Exemplos comuns de investimentos possíveis de se achar na carteira de um investidor Neutro ao risco, são:

Os tipos de investidor

Antes de aportar seu dinheiro em uma oportunidade de investimento, o investidor primeiro precisa saber qual é o seu perfil de investidor e entender bem as características desse investimento.

Para início de conversa, existem três tipos de investidores, são estes:

  • Investidor conservador: aquele que prefere apenas produtos com lucratividade garantida, na maioria das vezes renda fixa, e portanto avesso ao risco;
  • Investidor moderado: o tipo de investidor que possui uma mescla de investimentos seguros e de risco, sendo neutro ao risco;
  • Investidor arrojado: é o investidor que possui a maior parte de sua carteira em ativos de renda variável, sendo assim afeito ao risco.

Vale destacar que essas definições não são estáticas. Ao longo da vida, um investidor pode mudar de perfil em detrimento às circunstâncias financeiras, psicológicas e comportamentais.

Como se tornar Neutro ao risco

Primeiramente é importante notar que a maioria absoluta dos investidores têm aversão ao risco, ou seja, preferem não fazer investimento em renda variável.

Para se tornar Neutro ao risco, o investidor precisa, em contrapartida, possuir algumas mínimas garantias, caso contrário ele pode acabar agindo de forma inconsequente.

Entende-se agir de forma inconsequente como investir em produtos com alta lucratividade, porém sem ter proteção contra possíveis perdas ou conhecimento suficiente sobre o investimento.

O que não é o caso de quem tem o perfil Neutro ao risco, pois este indivíduo não só tem um mindset apropriado para lidar com prejuízos, como também possui uma reserva financeira.

Um investidor Neutro ao risco não virá à falência caso seu investimento se mostre infrutífero, pois tampouco ele teria investido todo o seu dinheiro neste investimento.

Na realidade, o investidor Neutro ao risco sabe como avaliar muito bem as oportunidades de investimento que surgem. Conhecimento é fundamental para ele.

Conhecimento este que pode ser adquirido tanto aprendendo como funciona a análise fundamentalista de ações como a análise técnica de ações.

É claro que o investidor Neutro ao risco não se arriscaria apenas em ações, qualquer produto financeiro é uma opção viável, desde que possa oferecer lucratividade acima da média.

Vantagens de ser Neutro ao risco

Primeiramente, um investidor Neutro ao risco possui a possibilidade de lucrar bem mais que o investidor avesso ao risco.

E isso acontece porque ele está disposto a se arriscar se as chances de retorno financeiro valerem a pena em detrimento ao risco.

Por outro lado, por não ser afeito ao risco, este investidor não se deixa levar por oportunidades que não apresentem o mínimo de garantia, o que torna sua carteira menos volátil.