O que é Day Trade e como funciona

Day Trade

O que é day trade. Significado, conceito, para que serve e como funciona.

O que é day trade?

Day Trade (negócio no dia) é o termo usado para se referir às operações de compra e venda de ativos no mercado financeiro realizadas em um único dia. 

A natureza dessa modalidade é meramente especulativa, pois o objetivo é aproveitar as oscilações da Bolsa de Valores para obter lucro em um prazo curtíssimo.

O day trade é um método de operação muito polêmico. Há os que afirmam que só com o day trade é possível ter ganhos elevados e consistentes. 

Já outros dizem que dificilmente é uma forma de operação muito arriscada e que gera ganhos incertos, sem contar a elevada pressão psicológica que o day trade gera nas pessoas.

Banner will be placed here

Como funciona o day trade?

Embora se dê o nome de “negócio diário”, a verdade é que as negociações de day trade ocorrem em prazos menores ainda do que um dia

A maioria das estratégias visam realizar as operações em prazos de minutos e, muitas vezes, até em poucos segundos.

O day trade nada mais é do que comprar e vender ações em poucos instantes para aproveitar as rápidas oscilações do mercado.

Entretanto, essas oscilações de curto prazo são, geralmente, muito pequenas. 

Na maioria dos dias, as ações de maior liquidez, como as da Petrobras (PETR4) e Vale (VALE3), não variam mais do que 1%.

Assim, uma forma de ganhar muito com variações baixas é a partir da alavancagem. Esse é um mecanismo para operar com valores acima do que possui em conta.

Algumas corretoras permitem que você opere com somas de até 10 vezes mais do que o seu patrimônio. Ou seja, a alavancagem é como se fosse um crédito que a corretora lhe concede.

Assim, se você tiver R$1 mil em conta, poderá operar comprando ou vendendo ações no valor de até R$10 mil.

Neste caso, suponhamos que, na sua operação de day trade, você tenha ganho 1% de lucro com a compra e venda de ações. 

Se tivesse trabalhado com R$1 mil teria ganho apenas R$10,00 na operação. Mas se tiver optado pela alavancagem, esse ganho sobe para R$100,00, o que representa 10% em termos do patrimônio do investidor.

Ou seja, com a alavancagem é possível ganhar mais. Entretanto, as eventuais perdas também são maiores.

No exemplo acima, se a perda fosse de 1%, a pessoa que trabalhou alavancada teria perdido R$100,00 ao invés de apenas R$10,00. Neste caso, a perda seria de 10% do patrimônio do investidor.

Assim, da mesma forma que o day trade pode gerar ganhos exponenciais, ele também pode gerar um prejuízo irrecuperável.

Outra atenção que o investidor deve ter é que, se até o final do dia não tiver liquidado a operação, poderá ter que pagar juros diários enquanto permanecer com ela em aberto.

Métodos de day trade

Para realizar operações de day trade, os investidores profissionais tendem a utilizar do que se chama de análise técnica, ou análise gráfica.

Isso nada mais é do que a tentativa de encontrar padrões de comportamento dos preços a partir de desenhos e indicadores plotados no gráfico de preços de um ativo.

Dentro da análise técnica há uma infinidade de métodos e estratégias que podem ser montadas, o que requer muito estudo e treino por parte do operador.

Antes de executar a estratégia é recomendável testá-la antes em algum simulador para saber se ela é confiável ou não.

Outra alternativa utilizada por muitos day traders são os robôs, que são softwares que dão a entrada e saída de operações automaticamente, sem a necessidade de comando por parte do operador.

Aqui, a compra e venda são feitas a partir de instruções prévias, dadas por modelos de comportamento que os operadores aplicam para que o robô siga.

A justificativa para o uso de um robô é de que a mente humana tem dificuldades para lidar com a euforia causada pela pressão das operações do mercado financeiro.

Essa ansiedade gera dificuldades para as pessoas conseguirem se manter fiéis às estratégias desenhadas. 

Assim, com o uso de um robô a entrada e saída das operações são automáticas, ou seja, as operações não são afetadas pela ansiedade do operador.

Imposto de renda para day trade

É importante ter em mente que o day trade, por ser uma atividade especulativa, paga mais Imposto de Renda sobre os lucros do que operações de maior prazo, como o swing trade.

Neste caso, o operador de day trade deverá pagar uma taxa de 20% sobre o lucro líquido mensal

Para saber quanto pagar de imposto basta pegar o ganho bruto e diminuir as taxas de corretagem e impostos de todas as operações. 

Deste resultado, basta multiplicar por 0,20 e emitir uma DARF com este valor e pagar no banco.

Explicamos aqui como a DARF funciona e como emitir uma guia para pagamento de Imposto de Renda sobre operações no mercado financeiro.

Caso queira saber mais como o day trade funciona na prática, bem como suas vantagens e riscos, temos um artigo completo sobre o assunto neste link.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE