O que é Tradeoff?

O Tradeoff é um termo utilizado no mercado financeiro para denominar uma tomada de decisão em relação à escolha de opções.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Em outras palavras, o tradeoff é o jargão usado para uma decisão que avalia a escolha de uma opção em exclusão de outra. Normalmente é considerado um tradeoff quando a pessoa deixa de lado alguma opção para a escolha de outra.

Existem diversos exemplos de tradeoff, o mais famoso entre eles é o relacionado a trabalho e lazer.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Normalmente para tirar um tempo de lazer é necessário consumir, isso demanda dinheiro, com isso é necessário que se trabalhe mais para ganhar dinheiro e deixar de tirar o tempo de lazer.

O exemplo acima é um tipo de tradeoff pessoal, porém existem diversos outros exemplos e aplicações práticas desse conceito outras ocasiões, como na economia de um país.

Sendo assim, o tradeoff pode ser considerado como a decisão entre custos que não são exatamente contábeis, mas sim, qualitativos. Entre elas, a decisão mais normal é a do governo de aumentar os juros para conter um período de inflação.  

Por fim, o tradeoff, também pode ser considerado como um custo de oportunidade, é a sua decisão pessoal entre os custos e os benefícios das opções em questão para que haja uma tomada de decisão.

Teoria do Tradeoff

A teoria do tradeoff está relacionada diretamente com o termo do custo de oportunidade. Exemplificando, o custo de oportunidade é a melhor opção que se abre mão ao tomar uma decisão.

Podemos usar como exemplo um indivíduo que escolhe trabalhar duas horas a mais. Sendo assim o indivíduo terá de abdicar de algo para realizar o tempo extra de serviço.

Devido a isso, o custo de oportunidade varia de indivíduo para indivíduo, pois cada um possui suas prioridades pessoais, em outras palavras, ele é sempre o que a pessoa mais valoriza no seu tempo.

Entre análises e estudos, foram descobertos os tipos de tradeoff mais comuns na sociedade, entre eles, alguns dos principais são:

  • Consumo Presente e Consumo Futuro;
  • Inflação e Desemprego;
  • Consumo e Lazer.

Com isso a teoria do custo de oportunidade e do tradeoff ganham cada vez mais solidificação, tendo em vista escolhas reais da vida de um indivíduo, de um investidor ou de um país.

O que é custo de oportunidade?

O custo de oportunidade é uma maneira de mensurar o custo das escolhas que fazemos. 

Sempre que fazemos uma escolha é sinal de que abrimos mão de alguma coisa e, portanto, deixamos de ganhar.

Neste caso, se quisermos fazer uma escolha racional, devemos escolher a opção que nos trará maiores ganhos do que as demais.

Em ciências econômicas, a definição do custo de oportunidade está ligada ao conceito de escassez.

Ou seja, como não é possível escolher/comprar tudo, é necessário abrir mão de várias coisas para se ter algo. 

Em finanças, o custo de oportunidade se refere à estimativa de ganho com um ativo livre de risco com o maior retorno possível. 

Aqui geralmente se utiliza os juros dos títulos públicos como custo de oportunidade.

Isso porque quem investe em ações ou imóveis, por exemplo, está abrindo mão da oportunidade de investir em um título que rende uma determinada taxa de juros garantida.

No geral, custo de oportunidade é um conceito que pode servir para várias coisas, desde o campo dos investimentos até para os relacionamentos amorosos, desde que se tenha uma escolha a ser feita.

Seja lá em que sentido se use, o custo de oportunidade seria aquele referente ao maior valor perdido em função de se ter optado por uma escolha e não por outra.