A rede de farmácias Pague Menos (PGMN3) está em uma cruzada para aumentar suas vendas pela internet.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Para isso, bebeu na fonte de varejistas como o Magazine Luiza (MGLU3), utilizando a estratégia de recrutar revendedores online, que criam suas próprias minilojas e comercializam produtos entregues diretamente pela companhia.

"Sempre houve muito porta a porta nas nossas vendas, e resolvemos investir nessa modalidade no digital. Os microinfluenciadores, que compartilham as experiências com amigos, podem aumentar suas rendas neste período de inflação e desemprego altos", diz Samir Mesquita, diretor de estratégia digital na companhia e criador do projeto chamado Minha Pague Menos.

Idealizada no começo deste ano, a plataforma começou a funcionar em abril, inicialmente apenas em Pernambuco. Desde então, já foram realizadas mais de 10 mil vendas nas 5 mil lojas online abertas.

A Pague Menos vem aumentando a relevância do comércio eletrônico no seu número de vendas.

No primeiro trimestre deste ano, o faturamento nos canais digitais chegou a R$ 189,4 milhões, alta de 63% sobre o mesmo período de 2021.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Mesmo com a ampliação dos canais digitais, a receita da Pague Menos ainda é equivalente a um terço da obtida nesse segmento pela Raia Drogasil (RADL3).

No primeiro trimestre de 2022, apenas nas vendas online, a líder do setor faturou R$ 656 milhões, alta de 51,2% em relação ao ano anterior.

Em 2020, a Raia Drogasil começou a atuar com vendas de terceiros no formato marketplace, movimento seguido pela Pague Menos em 2021.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Para Fernando Moulin, especialista em transformação digital e sócio da consultoria Sponsorb, a venda online é uma forma de as redes de drogarias ganharem rentabilidade.

"A loja tem custo de aluguel e equipe, mas a integração com o digital aumenta a demanda dos clientes, com o mesmo custo", diz.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da Pague Menos no Primeiro Trimestre de 2022

resultado da Pague Menos (PGMN3) no primeiro trimestre de 2022 (1t22), divulgado no dia 04 de maio, apresentou um lucro líquido ajustado de R$ 24,4 milhões no 1T22, uma queda de -44,8% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Ebitda ajustado da Pague Menos atingiu R$ 162,4 milhões no 1T22, apresentando crescimento de 1,9% na comparação com o 1T21.

margem Ebitda ajustada da Pague Menos totalizou 7,7% no 1T22, apresentando retração de -0,6 ponto percentual na comparação com o 1T21.

margem líquida da Pague Menos atingiu 1,2% no 1T22, apresentando retração de -1,3 ponto percentual na comparação com o 1T21.

As ações da Pague Menos (PGMN3) acumulam queda de 9,43% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 37,66% nos últimos 30 dias.

Fonte: Estadão Conteúdo.