A Embraer (EMBR3) concluiu testes para avaliar sistemas autônomos de voo em condições reais dentro de ambientes urbanos, anunciou nesta sexta-feira a companhia.

Os voos experimentais do Projeto de Sistemas Autônomos da Embraer (Project EASy, na sigla em inglês) foram realizados com um helicóptero no Rio de Janeiro e coletaram dados que vão impulsionar no futuro a aviação em que máquinas e algoritmos assumem o controle da condução dos veículos.

Os experimentos da Embraer tiveram duração de sete dias e exploraram cenários comuns e extremos para decolagem, subida, voo de cruzeiro, aproximação e pouso da aeronave. Pilotos conduziram o helicóptero enquanto os sistemas capturaram dados e realizaram cálculos em tempo real.

Os dados vão orientar a construção dos eVTOLs (veículos de decolagem e aterrissagem vertical elétrica, na sigla em inglês) da Embraer.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

"Este projeto nos permitiu avaliar tecnologias em tempo real e também coletar informações que posteriormente serão usadas em simulações", disse Julio Bolzani, head de sistemas autônomos da Embraer, por meio de comunicado à imprensa.

Os testes foram realizados junto com a Eve, uma empresa do grupo dedicada a acelerar soluções de mobilidade aérea urbana.

"Toda informação e dados levantados neste projeto, bem como as soluções técnicas em desenvolvimento, vão apontar os caminhos para o voo completamente autônomo dos eVTOLs no futuro", disse Andre Stein, co-CEO da Eve.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da Embraer no Primeiro Trimestre de 2022

resultado da Embraer (EMBR3) no primeiro trimestre de 2022 (1t22), divulgado no 29 de abril, apresentou um prejuízo de R$ 165,2 milhões no 1T22, uma redução no prejuízo de -66,3% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Ebitda da Embraer atingiu um prejuízo de R$ 1,1 milhão no 1T22, apresentando queda de -101,3% na comparação com o 1T21.

margem Ebitda da Embraer totalizou 0,0% no 1T22, apresentando queda de -1,8 ponto percentual na comparação com o 1T21. 

margem líquida da Embraer atingiu -5,4% no 1T22, apresentando crescimento de 5,7 pontos percentuais na comparação com o 1T21.

As ações da Embraer (EMBR3) acumulam queda 0,70% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 9,84% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.