Quanto Mais Risco ao Investir, Maior Potencial de Retorno?
| ,

Quanto Mais Risco ao Investir, Maior Potencial de Retorno?

Esta é uma discussão não trivial que pode levar você a ficar de fora de grandes oportunidades.

Por
Atualizado em 09/09/2020

O risco de um ativo é diretamente proporcional ao seu potencial de valorização.

Essa afirmação sintetiza a relação existente entre o risco e o retorno de um ativo e é amplamente divulgada, não só em livros teóricos, mas também por plataformas e especialistas.

E isso é verdadeiro. 

Banner will be placed here

Pense em um título público: baixíssimo potencial de valorização, zero risco.

E em um título privado: potencial de valorização um pouco maior, mas risco maior do que um título público.

E se pensarmos no caso das ações: altíssimo potencial de valorização com bastante incremento de risco em relação à títulos públicos ou privados.

Com essa rápida comparação é possível demonstrar que, sim, o risco de um ativo é proporcional ao seu retorno potencial.

Mas há uma nuance escondida aqui…

Pense aqui comigo.

Se compararmos classes de ativos (título público, título privado, ações, etc), essa relação direta entre risco e retorno será sempre verdadeira.

Mas se analisarmos uma única classe de ativos especificamente, poderemos encontrar uma relação inversa.

Onde Investir na Atual Crise Econômica? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Ações para Lucrar na Crise”.

Isso mesmo: teremos retorno potenciais maiores justamente onde há menos risco.

É aqui que encontramos as assimetrias.

Parece estranho, mas vamos esclarecer isso. 

O mercado de ações é guiado por sentimentos de pânico e de euforia

Talvez isso não seja novidade para você. 

Mas são nessas horas que algumas ações ficam mal precificadas. 

Cria-se uma espécie de “consenso burro”. 

Ao desabarem para um preço de pânico, algumas ações ficam com uma assimetria muito grande entre preço e valor. 

E essas ações assimétricas carregam essa característica de benefício duplo, simultaneamente mais seguras e com maior potencial de valorização.

Gráfico assimetria e ação

São justamente essas ações que estão de alguma forma desprezadas pelo mercado e que podem ter valorizações acima da média do mercado em um determinado período.

Claro, isso não assume que você vá escolher qualquer ação. Não devemos abandonar um filtro de qualidade antes de analisar.

Onde Investir na Atual Crise Econômica? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Ações para Lucrar na Crise”.

A exemplo do que recomenda o meu colega Eduardo Voglino na caça a assimetrias, você deve se certificar de alguns requisitos antes de identificar uma delas:

  1. A empresa precisa possuir solidez financeira, com dívidas equilibradas e caixa de sobra;
  2. É importante que haja gatilhos para destravar valor, o que levará a empresa em questão a apresentar resultados cada vez melhores no futuro;
  3. Mais do que qualquer coisa, a empresa precisa negociar a um preço atrativo, que ofereça uma boa margem de segurança para você investir com segurança.

Isso requer estudar as empresas além do que os números mostram.

É esse trabalho incrível e de muito resultado que está fazendo sucesso no Canal Joias da Bolsa.

Fica aí a dica para quem quiser se expor a esse tipo específico de ação…

Notícias do Mercado Financeiro

Disclaimer: Declaro que as informações contidas neste texto são públicas e que refletem única e exclusivamente a minha visão independente sobre a companhia, sem refletir a opinião do The Capital Advisor ou de seus controladores.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE

Faça o Teste de Perfil de Investidor e receba uma carteira para você Investir Melhor o seu Dinheiro.

VOCÊ ESTÁ PRONTO PARA ACUMULAR O SEU 1 MILHÃO?