A Porto Seguro (PSSA3) foi a líder em arrecadação no segmento de seguros de danos e responsabilidades nos 12 meses encerrados em setembro, com arrecadação de R$ 13,4 bilhões.

Já a BB Seguros liderou em cobertura de pessoas, com R$ 51,4 bilhões, enquanto a Bradesco Seguros foi a maior no ramo de saúde suplementar, com R$ 30,7 bilhões.

Os dados são da primeira edição do ranking do setor de seguros da Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg), divulgado nesta sexta-feira, 10.

A entidade publicará os dados de forma mensal, separados por segmentos e ramos. A primeira edição utiliza as informações mais recentes do setor, referentes ao mês de setembro deste ano.

"A novidade, que o diferencia de outros rankings publicados, é que o nosso abrange todas as operações do setor, abrindo por ramos e atualizando mensalmente, porque a posição intrassetorial tem mudado muito rapidamente", disse, via nota, o presidente da CNseg, Marcio Coriolano.

No ramo de danos e responsabilidade, o ranking do acumulado de 12 meses até setembro tem ainda a Mapfre (R$ 7,1 bilhões arrecadados) e a Tokio Marine (R$ 6,5 bilhões) nas três primeiras posições.

É nesta categoria que está incluído, por exemplo, o seguro de automóvel - em que a Porto Seguro é líder. Os dados não incluem o DPVAT.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Na cobertura de pessoas, Caixa Seguros, com R$ 36,7 bilhões arrecadados, e Bradesco Seguros, com R$ 36,6 bilhões, vêm logo atrás da BB Seguros.

Em capitalização, a vice-liderança fica com a BB Seguros, com R$ 4,5 bilhões, e a terceira posição com o Santander, com R$ 3,6 bilhões acumulados em 12 meses.

Já na saúde suplementar, o pódio das operadoras é completado pela SulAmérica (SULA11), com R$ 21,8 bilhões arrecadados, e pela Amil, com R$ 19,9 bilhões.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

A publicação utiliza dados da Superintendência de Seguros Privados (Susep) e da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

A CNseg considera os prêmios diretos para contabilizar a arrecadação nos seguros, as contribuições, no caso de planos de previdência, o faturamento, na capitalização, e as contraprestações líquidas, na saúde suplementar.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Resultado da Porto Seguro no Terceiro Trimestre de 2021

O resultado da Porto Seguro (PSSA3) no terceiro trimestre de 2021 (3t21), divulgado no dia 11 de setembro, apresentou um lucro líquido recorrente de R$ 60,1 milhões no 3T21, uma baixa de -85,0% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

As receitas da Porto Seguro atingiram R$ 5,5 bilhões no 3T21, apresentando alta de 15,7% na comparação com o 3T20.

O resultado financeiro da Porto Seguro totalizou um lucro de R$ 37,1 milhões no 3T21, versus um lucro de R$ 125,1 quando comparado ao 3T20.

As ações da Porto Seguro (PSSA3) acumulam queda de 2,23% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 4,04% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.