A Marfrig (MRFG3) conseguiu nesta segunda, 28, dar um passo decisivo para assumir a gestão da BRF (BRFS3), gigante de alimentos na qual detém 33% de participação.

O fundador Marcos Molina foi eleito presidente do conselho de administração da dona das marcas Sadia e Perdigão e obteve a aprovação de toda a chapa proposta para o colegiado.

O atual presidente do conselho do Santander Brasil (SANB11), Sergio Rial, foi escolhido para a vice-presidência na BRF.

A eleição da chapa ocorreu após uma costura entre Molina e o fundo de pensão dos funcionários do Banco do Brasil (Previ) ao longo do fim de semana.

Foi incorporado ao grupo o nome do ex-diretor do Banco Central Aldo Mendes como o representante da fundação. A Previ possui fatia de 5,26% na empresa e é sócia da companhia desde 1990. 

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

'Olhar de dono' 

Há anos sem um controlador definido, a eleição do conselho por uma chapa indicada pela Marfrig mostra que a BRF poderá ser uma empresa com "olhar de dono", segundo analistas de mercado.

Antes do avanço da Marfrig sobre a BRF via compras de ações na Bolsa, as empresas chegaram a anunciar um acordo de fusão, em 2019.

O acerto criaria uma empresa global com mais de cem fábricas. No entanto, houve divergências sobre a gestão, e as empresas desistiram do negócio.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da BRF no Quarto Trimestre de 2021

resultado da BRF (BRFS3) no quarto trimestre de 2021 (4t21), divulgado no dia 23 de fevereiro, apresentou lucro líquido de R$ 964 milhões no 4T21, uma alta de 6,9% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Ebitda ajustado da BRF atingiu R$ 1,6 bilhão no 4T21, apresentando crescimento de 6,3% na comparação com o 4T20.

margem Ebitda ajustada da BRF totalizou 12,3% no 4T21, apresentando retração de -1,5 pontos percentuais na comparação com o 4T20.

margem líquida da BRF atingiu 6,8% no 4T21, apresentando retração de -1,1 pontos percentuais na comparação com o 4T20

As ações da BRF (BRFS3) acumulam cotação de alta de 7,58% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 26,34% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.