A Totvs (TOTS3) encerrou o segundo trimestre de 2021 com lucro líquido de R$ 78,643 milhões, alta de 35,6% ante o período de abril a junho de 2020, considerando mais um trimestre com "equilíbrio entre crescimento e rentabilidade".

No mesmo intervalo, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) somou R$ 187,476 milhões, alta de 36,5% sobre a mesma base de comparação do ano passado.

Já a margem Ebitda Ajustada encerrou o trimestre em 24,1%, 220 ponto-base acima do segundo trimestre de 2020, impulsionada, principalmente, pelo aumento da Margem de Contribuição de Gestão.

No qual foi puxado pelo crescimento da Receita Recorrente e pelo aumento da Margem de Contribuição de Techfin, decorrente do crescimento da Receita e Produção de Crédito.

A receita líquida foi de R$ 763,375 milhões, 21,7% acima do resultado apurado no segundo trimestre de 2020.

As receitas financeiras cresceram 56% no segundo trimestre em comparação ao primeiro trimestre, devido ao aumento do Certificado de Depósito Interbancário (CDI) médio do período.

Quando comparado ao mesmo período de 2020, a redução nesta linha está, majoritariamente, ligada à redução no volume de caixa médio aplicado, em decorrência das aquisições realizadas ao longo de 2020.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Já o crescimento de 58% das Despesas Financeiras no segundo trimestre de 2021 frente ao primeiro trimestre está principalmente associado à despesa de juros pela emissão de debêntures, ocorrida em maio, e pela captação de recursos realizada pela Supplier no segundo trimestre.

A empresa registrou dívida líquida de R$ 1,059 bilhão, alta de 183,1% ante o mesmo período do ano passado.

O Saldo de Caixa e Equivalentes encerrou o trimestre em R$ 785,969 milhões, o que corresponde a 43% do saldo da Dívida Bruta Ajustada total e 5 vezes do saldo da Dívida Bruta Ajustada com vencimento nos próximos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.