A Amazon (AMZO34) anunciou nesta quinta-feira a aquisição da plataforma de saúde One Medical por US$ 3,9 bilhões em um salto para expandir seus serviços na área de saúde.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

A transação será efetuada a US$ 18 por ação e está entre as maiores aquisições da Amazon, superada apenas pela compra da MGM Studios por US$ 8,5 bilhões e pela compra da Whole Foods por US$ 13,7 bilhões. 

A One Medical é uma plataforma de atendimento primário que combina telemedicina e clínicas ao redor dos Estados Unidos para prover serviços de saúde acessíveis e com baixo custo.

Os clientes pagam US$ 199 por ano para contar com atendimento virtual 24 horas por dia, 7 dias por semana, e usar o aplicativo para marcar consultas no mesmo dia ou no dia seguinte para visitas presenciais. 

No final de março, operava 188 locais nos EUA e atendia cerca de 767.000 membros, de acordo com um relatório trimestral

“Achamos que os cuidados de saúde estão no topo da lista de experiências que precisam de reinvenção”, disse Neil Lindsay, vice-presidente sênior da Amazon Health Services, em comunicado.

"Vemos muitas oportunidades para melhorar a qualidade da experiência e devolver às pessoas um tempo valioso em seus dias". 

Não é a primeira incursão da Amazon no espaço da saúde. A empresa adquiriu a farmácia por correspondência PillPack em 2018 por cerca de US$ 750 milhões. 

A gigante do comércio eletrônico está construindo sua própria operação médica chamada Amazon Care, que oferece consultas virtuais e visitas domiciliares de médicos.