A Saudi Aramco ultrapassou a gigante de tecnologia Apple (AAPL34) como a empresa mais valiosa do mundo, depois que um aumento nas ações da produtora de petróleo fizeram seu valor de mercado saltar acima de US$ 2,4 trilhões.

O preço das ações da Apple caíram 5,2% na quarta-feira em meio a uma queda nas ações de tecnologia e sua capitalização de mercado também recuou para US$ 2,37 trilhões.

Enquanto isso, o valor de mercado da estatal da Arábia Saudita ficou em 9,1 trilhões de Riyals, equivalente a US$ 2,43 trilhões.

O valor das duas empresas pode mudar novamente devido às flutuações nos preços das ações, mas a mudança na quarta-feira ressalta tendências mais amplas na economia global.

O mercado de energia está crescendo. A guerra na Ucrânia elevou os preços devido a sanções e boicotes contra a Rússia e desafios da cadeia de suprimentos. 

O benchmark US West Texas Intermediate estava sendo negociado em torno de US$ 105 o barril na quinta-feira, enquanto o petróleo Brent de referência internacional estava em torno de US$ 107 o barril. Ambas as notas aumentaram 40% no acumulado do ano.

Isso fez com que o lucro líquido da Aramco mais que dobrasse para US$ 110 bilhões em 2021. 

Já a Apple alertou sobre restrições na cadeia de suprimentos em sua última divulgação de resultados. Ao mesmo tempo em que os investidores estão fugindo das ações de tecnologia devido ao temor de que os juros crescentes nos EUA reduzirão os lucros futuros.

O preço das ações da Aramco na Bolsa de Valores da Arábia Saudita subiu cerca de 30% este ano até agora. Em contraste, o preço das ações da Apple caiu cerca de 20% no acumulado do ano.

Fonte: Business Insider