O que é Holarquia

Holarquia é um tipo de sistema organizacional, análogo ao sistema hierárquico, mas com características bem distintas. 

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Em tese a Holarquia é um sistema que prevê a igualdade de todos os envolvidos, diferente da hierarquia na qual há níveis e classificações, na Holarquia a estrutura é mais horizontal. 

 Na Holarquia, a organização é feita por meio das conexões entre hólons, e cada um é parte de um todo. Dessa forma, os membros desse sistema organizacional são iguais em suas funções e propriedades.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Como funciona a Holarquia

No mundo corporativo a Holarquia é um sistema de governança no qual todos os membros formam equipes distintas, mas têm em comum o alcance de metas da corporação

Nesse sentido o sistema de governança é plano e cada membro tem igualdade de voz e são direcionados para um ponto convergente por meio da liderança compartilhada. 

Em outras palavras, uma empresa X do setor industrial tem suas equipes de vendas, marketing, operações, financeiro, recursos humanos, TI e entre outras. 

Cada equipe é composta por seus membros que por sua vez tem poder de voz igual a qualquer outro membro de sua equipe ou de equipe diferente. Porém, todos os times respondem ao presidente da empresa, sendo esse o responsável por direcionar a empresa X. 

Podemos chamar as equipes dessa empresa de hólon que são unidades autossuficientes e com certo grau de independência, ou seja, podem lidar com alguns problemas do cotidiano por si só, sem a autorização do presidente por exemplo. 

O sistema da Holarquia prevê que os hólon são capazes de resistir a algumas perturbações sendo essa a primeira propriedade desse sistema. Entretanto, a última propriedade ressalta que os hólon são unidades intermediárias e fazem parte de um todo. 

O sistema garante que cada hólon proporciona uma funcionalidade que beneficia todos os demais hólon e a estrutura como um todo. 

A Holarquia nada mais é do que a hierarquia de hólon, nos quais os primeiros são aqueles mais autônomos, os segundos são os hólons dependentes de ordenação e por fim em terceiro lugar estão os com coordenação com o seu ambiente local. 

Origem da Holarquia 

O termo Holarquia tem origem em uma obra de Arthur Koestler que escreveu o livro Fantasma na Máquina em 1967 e na obra é criada a palavra hólon que é a união das palavras gregas, holos que significa totalidade e on que significa partícula

Com isso, o autor explica as conexões existentes entre o meio social humano no que tange a mente e a construção das relações humanas. 

Dessa forma, a palavra Holarquia tem como parte o conceito de todo, e das partes autônomas ou dependentes que constituem o sistema inteiro. 

Mas foi recentemente que os conceitos de Holarquia foram criados por Brian Robertson em 2007. 

Brian Robertson idealizou as práticas desse sistema e as implementou em sua empresa Ternary Software em Exton na Pennsylvania nos EUA. 

Em 2010 o provedor desse sistema desenvolveu a Constituição da Holacracia e estabeleceu ali os princípios e práticas dessa estrutura organizacional. 

De lá para cá diversas organizações vêm adotando esse sistema. Atualmente organizações lucrativas e sem fins lucrativos utilizam da Holarquia e está presente em diversos países como Reino Unido, Suíça, Alemanha, Estados Unidos e entre outros. 

Holarquia e os investimentos

É de se imaginar que as empresas que adotam esse sistema de governança são beneficiadas em diversos aspectos, talvez um dos mais relevantes seja a colaboração entre os membros das equipes. 

Acredita-se que esse sistema pode elevar a cultura de bem-estar entre os membros de uma organização, o que melhora o desempenho dentro de suas funções e proporciona o alcance de metas e melhoria nos indicadores econômicos das companhias. 

Quando uma empresa trata bem seus funcionários, os impactos são sentidos na divulgação de resultados e na valorização de suas ações.