Vale a pena comprar ouro

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Eis a pergunta que recebo frequentemente. 

O ouro é conhecido como uma das melhores proteções de carteira.

“O estoque global de ouro é de aproximadamente 170 mil toneladas. Se todo esse ouro fosse derretido, caberia em um cubo de 20 metros de aresta”

Palavras do maior investidor do mundo: Warren Buffett

Justamente esta escassez, é o que torna o ouro tão atrativo

O ouro é um ativo físico que lastreia a reserva monetária de muitos países, mantendo seu valor e demanda assegurados. 

Outro ponto que vale avaliar é em relação ao metal estar ou não descontado.

Veja:

Gráfico histórico Ouro x S&P 500

Se considerarmos a razão entre o ouro e o S&P 500, notamos que existe uma distorção entre a média histórica de 57%. 

Se o ouro é realmente tão atrativo ele está no radar da carteira do Joias

Sim, indiretamente. 

Entenda…

Ainda que a exposição em ouro seja com intuito de proteção, eu fico relativamente desconfortável, pois prefiro sempre ativos com capacidade de gerar fluxos futuros.

Mas será que não existem empresas que podem se beneficiar da elevação do preço do ouro

Se respondeu as mineradoras, acertou. 

O aumento do preço do ouro impacta diretamente as margens das mineradoras de ouro.

Aumentar o preço de venda do produto, sem aumentar os custos e despesas de produção, é um sonho para qualquer empresa. 

Em 2020, as mineradoras atingiram níveis recordes de fluxo de caixa livre. 

O segredo é encontrar uma mineradora que já esteja com balanço saudável, pois os incremento de receita, impactará diretamente as margens e consequentemente os resultados.

Vale ressaltar que se as mineradoras continuarem gerando retorno ao capital dos acionistas e aumentando seu fluxo de caixa livre, como vem acontecendo, os múltiplos de preços irão negociar em outros patamares.

Qual a Melhor Small Cap na Bolsa? Veja Aqui a Melhor Ação Small Cap para Você Investir Hoje.

Duas mineradoras me chamam a atenção: AURA33 e N1EM34.  

A Newmont Corporation (N1EM34) é a maior empresa de mineração do mundo e existe há um século.

A empresa possui sede em Greenwood Village em Colorado nos Estados Unidos.

Vale destacar que a empresa é reconhecida por suas práticas ambientais, sociais e de governança, que se referem a famosa sigla ESG. 

Empresas ligadas a estas práticas, estão sempre nas pautas dos maiores fundos do mundo. 

Os últimos resultados da empresa vieram incríveis.

Atingiu um Ebitda ajustado recorde de US$ 1,7 bilhão, gerando um fluxo de caixa livre de 1,3 bilhão de dólares. 

A outra empresa que merece ser acompanhada é a Aura Minerals (AURA33).

A Aura é uma empresa multinacional de mineração de ouro e cobre, sendo o ouro mais relevante para sua operação.

A empresa vem apresentando um crescimento orgânico relevante e pretende intensificar ainda mais, através de fusões e aquisições.

Recentemente ela passou por um processo de reestruturação (turnaround), muito bem executado pelo CEO, Victor Bradley.

Toda receita da Aura é em dólar, teríamos uma "dupla" proteção neste caso.

A empresa está focada em crescimento, o que poderia intensificar os resultados em paralelo a valorização do ouro.

Essas são duas alternativas de se beneficiar do ouro. 

Uma é a maior empresa do segmento de mineração de ouro, com resultados consistentes e robustos, a outra é uma empresa que poderá destravar muito valor com a combinação de crescimento via fusões e valorização do outro. 

Qualquer uma, me parece ser uma boa escolha.

Vamos ficar de olho e, se encontrarmos alguma assimetria, poderemos incluir algum dos ativos na carteira do Joias da Bolsa.