Como Analisar uma Ação do Jeito Certo
SIMULE AGORA
|

Como Analisar uma Ação do Jeito Certo

A análise fundamentalista e técnica são as duas escolas que ajudam na hora escolher uma ação.

Por
Atualizado em 22/12/2020

Analisar uma ação do jeito certo é fundamental para tomar uma boa decisão de investimento.

Ao longo de sua jornada de investidor você terá contato com muitas dicas e recomendações de investimento por parte de profissionais do mercado ou até mesmo amigos e conhecidos.

Basicamente, essas recomendações terão embasamento em 2 escolas de análise. A Análise Fundamentalista e a Análise Técnica ou Gráfica.

Por essa razão, é importante você conhecer as peculiaridades de cada uma delas e entender qual se encaixa melhor na sua estratégia de investimento

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Análise Fundamentalista

Como o próprio nome diz, a análise fundamentalista é baseada nos fundamentos da empresa.

Quando falamos de fundamentos, estamos nos referindo aos números do negócio, como por exemplo, receita de vendas, despesas, lucros, margens de lucros e assim por diante.

Para isso, o investidor utiliza os demonstrativos financeiros como base da sua avaliação.

Os mais relevantes e utilizados pelo mercado são o Balanço Patrimonial e o Demonstrativo de Resultados, também conhecido como DRE.

Ao utilizar os números desses demonstrativos o investidor consegue calcular alguns indicadores importantes para sua análise.

Além da avaliação dos números da empresa, a análise fundamentalista procura entender o mercado que a empresa está inserida e suas perspectivas de crescimento.

Essa escola busca estimar o verdadeiro valor da empresa, ou seja, o valor do negócio que está por trás da ação que está sendo analisada.

Em resumo, a análise fundamentalista busca embasar a sua decisão de investimento utilizando dois critérios:

  • Qualidade da empresa: representada pelos seus números e pelos fatores qualitativos;
  • Diferença entre o preço de mercado e o seu valor intrínseco: sinaliza se a empresa está sendo negociada com desconto no mercado.

A principal vantagem de usar a análise fundamentalista é não precisar acompanhar o sobe e desce do preço das ações diariamente.

Uma vez que você é um investidor, o seu horizonte de investimento é de médio e longo prazo. Logo não vai precisar se preocupar com a volatilidade do mercado no dia-a-dia.

Os grandes investidores de sucesso da história são adeptos dessa escola de investimentos.

Nomes como Warren Buffett, John Templeton, Benjamin Graham utilizam os indicadores fundamentalistas para escolher suas ações.

Inclusive, algumas das pessoas mais ricas do mundo também utilizam esse tipo de abordagem para investir no mercado de ações.

Banner will be placed here

Análise Técnica

A análise técnica se baseia na ideia de que os preços das ações se movem em tendências, as quais costumam se repetir de tempos em tempos.

Essa escola de avaliação foca exclusivamente no movimento de preço das ações e defende que tudo que se sabe sobre mercado está refletido neste.

Dessa forma, estuda o movimento passado dos preços e dos volumes de negociação das ações com o objetivo de fazer previsões sobre o comportamento futuro dos preços.

A análise técnica defende a tese de que os preços das negociações futuras são fortemente dependentes dos preços das negociações anteriores, sendo possível prever tendências de preço utilizando apenas a observação dos movimentos passados.

Para essa escola não é relevante as informações sobre receitas, lucros, dividendos, participação de mercado, grau de endividamento e liquidez da empresa.

Em resumo, a gente pode dizer que a análise técnica se baseia em 3 princípios:

  • O preço da ação reflete todas as informações conhecidas no mercado;
  • Os preços se movimentam em tendência;
  • O preço futuro das ações reflete o passado.

Perceba que a escola grafista ou a escola técnica tem um viés bastante especulativo.

Por isso, a gente não pode chamar de investidor quem utiliza esse tipo de análise para escolher ações.

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Qual a melhor escola para analisar uma ação?

Afinal, qual o jeito certo de analisar uma ação? Qual é a melhor escola pra seguir?

Na verdade, essa decisão é bastante pessoal.

No entanto, vale destacar a definição de Benjamin Graham para lhe ajudar a escolher a melhor escola.

Ele diz que uma operação de investimento é aquela que, após a análise profunda, promete a segurança do principal e um retorno adequado.

As operações que não atendem a essas condições são especulativas.

Seguindo esse princípio, a análise fundamentalista deve ser utilizada para quem é ou quer ser um investidor.

Já a análise técnica é usada para especulação na bolsa de valores.

Eu não acredito que especular seja a melhor forma de encarar o mercado de ações.

Por essa simples razão, se você quer se tornar um investidor na bolsa de valores e ser sócio de ótimas empresas, siga os princípios da análise fundamentalista.

Para saber os passos para se tornar um investidor de sucesso, baixe gratuitamente o e-book “Como Investir Começando do Zero”.


O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE