O que é análise de perfil do investidor

Análise de perfil do investidor é o resultado de um questionário que avalia as características de um investidor em relação aos investimentos e riscos. Também é conhecida como questionário API ou suitability (em inglês). 

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Para descobrir o seu perfil, o investidor deve buscar realizar este teste, que contém perguntas sobre diversos temas, entre eles: tolerância ao risco, objetivos ao investir, renda mensal e patrimônio. 

Também será verificado a necessidade futura da utilização de recursos,  o grau de familiaridade com investimentos, formação acadêmica e experiência no mercado financeiro.

Desde 2015, a aplicação de questionários que buscam mapear essas informações passou a ser obrigatória para todas as instituições financeiras (Instruções Normativas da CVM nº 539/2013 e nº 554/2014). 

Por isso, é possível encontrar formas de mapear o seu perfil em diversas plataformas, muitas vezes até mesmo por aplicativos das instituições financeiras.

O questionário é muito importante para os investidores, pois podem descobrir seus perfis e encontrar investimentos que se encaixam às suas realidades e expectativas, a fim de evitar frustrações e perdas financeiras.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Categorias da análise de perfil do investidor

Como resultado dessas perguntas, o investidor terá como resultado a categoria que mais se encaixa com o seu perfil, sendo elas: 

Conservador: o investidor possui muita aversão ao risco e opta por aplicar em investimentos mais seguros (como CDBs e títulos públicos). 

Moderado: o investidor possui média aversão ao risco e opta por aplicar em investimentos seguros e arriscados. 

Agressivo: o investidor possui pouca aversão ao risco, é tolerante a perdas momentâneas e oscilações e geralmente, tem alto patrimônio acumulado. Prefere investimentos mais arriscados, como investir no mercado cambial. 

Personalidade do investidor 

O autoconhecimento é fundamental na hora de investir. Antes de responder o questionário, o investidor deve fazer uma reflexão sobre a aversão ao risco e como isso se relaciona com sua personalidade. 

Por exemplo, ansiosos podem acabar se frustrando caso se envolvam em trades de curto prazo (como day trade ou swing trade) que causam perda de valor momentânea, por não aguentar esperar e concretar prejuízos desnecessários. 

Objetivos de curto e longo prazo

Investidores que têm intenções de passar por grandes mudanças na vida, como mudar de emprego ou ter um filho, podem ter imprevistos em que será necessária maior liquidez. 

Neste caso, mesmo os mais propensos ao risco devem considerar que esse pode ser um momento de reflexão, de ser mais conservador e de dar preferência pela liquidez

Mas se o investidor busca investir para garantir uma aposentadoria, sua carteira pode considerar um nível de risco diferente, mais elevado. 

Condições financeiras

O investidor deve ser honesto sobre a sua real condição financeira, porque isso é determinante para um resultado acurado do teste e o sucesso nas suas aplicações.

Mesmo investidores muito propensos ao risco ou extremamente engajados em ingressar no mercado financeiro devem analisar suas atuais condições.

Para ter sucesso no mercado financeiro, o primeiro passo é a educação financeira. Garantir uma reserva de emergência antes de se aventurar em investimentos mais arrojados também é peça chave.

Análise de perfil do investidor e estratégias de diversificação

Uma vez realizado o questionário API, tem-se perfil de investidor. Isso não quer dizer que o investidor poderá fazer investimentos adequados apenas àquela categoria.

Diversificação de ativos da carteira de investimentos é importante para diminuição dos riscos, por isso, é comum que as instituições financeiras permitam e sugiram estratégias de diversificação.

Isso quer dizer que até o mais conservador dos investidores pode possuir uma pequena parcela de seus investimentos em produtos mais arriscados. 

Contudo, essa parcela não deve ultrapassar o percentual permitido, porque pode tornar a carteira de investimento não aderente ao perfil do investidor.

Neste caso, caso o investidor ainda queira realizar na aplicação, ele deve assinar o Termo de Ciência de Inadequação para concluí-la. 

Obrigatoriedade da Análise de perfil do investidor 

Pessoas físicas e investidores qualificados ou profissionais devem preencher o questionário API. Caso não deseje preencher, o investidor ainda poderá realizar aplicações, mas deve assinar o Termo de Ciência de Ausência de Perfil.