A Algar Telecom aprovou sua 12ª emissão de debêntures simples, no valor total de R$ 1,050 bilhão.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Os títulos serão distribuídos em até três séries, não são conversíveis em ações e possuem espécie quirografária.

Os prazos das três séries serão de sete anos para a primeira série e de dez anos para a segunda e a terceira.

A remuneração da primeira série se dará pela taxa acumulada de 100% das taxas médias diárias do DI Over, acrescida de sobretaxa de até 1,55% ao ano.

Para a segunda, serão as mesmas condições, sendo a taxa de 1,73%. Para a terceira, será paga a maior taxa entre a taxa interna de retorno do Título Público Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais com vencimento em 2030, acrescida de taxa de 0,43%, e 5,65% ao ano.

Os recursos captados por meio das debêntures da primeira Série e da segunda Série serão destinados para alongamento de dívidas, investimentos em expansão e propósitos corporativos gerais.

Melhores Oportunidades do Mercado Financeiro? Veja as 3 Ações com Maior Potencial de Valorização Hoje.

Os da terceira serão utilizados exclusivamente para o pagamento futuro ou reembolso de gastos, despesas ou dívidas relacionadas aos investimentos na expansão e modernização da rede de comunicação de dados para prover os serviços de acesso à internet, voz para os segmentos do mercado varejo, empresas e operadoras por meio da implantação de redes móveis e fixas com tecnologia 3G, 4G, 5G, GPON e MetroEthernet e Backbone IP/DWDM - além da implantação de redes de transportes, redes de acesso e infraestrutura de rede.

Fonte: Estadão Conteúdo.