3 Conversas sobre Dinheiro que Todo Casal Deve Ter
|

3 Conversas sobre Dinheiro que Todo Casal Deve Ter

Para prosperar financeiramente como casal, a comunicação é a palavra-chave.

Por
Atualizado em 28/01/2021

Todo casal deveria conversar abertamente sobre dinheiro. Afinal, as finanças e comportamentos financeiros estão entre as principais causas de estresse nos relacionamentos.

Infelizmente, o assunto dinheiro ainda é um tabu para muitas famílias.

Seja por insegurança sobre sua própria situação financeira, medo de trazer à tona um tema sério ou simplesmente por nunca ter considerado discutir finanças com o cônjuge.

Porém, não dá para fugir. O dinheiro impacta em diversas áreas da vida e a compatibilidade financeira terá um papel importante no sucesso do relacionamento.

Casa, filhos, aposentadoria, cada uma dessas coisas exige um planejamento financeiro e, se vocês não compartilharem os mesmos valores quando se trata de dinheiro, isso causará problemas no futuro.

Por isso, aqui estão as 3 conversas sobre dinheiro que todo casal deve ter para alcançar o sucesso financeiro juntos.

Dinheiro, a principal causa de estresse em um relacionamento 

De acordo com pesquisa divulgada pelo SunTrust Bank, as finanças são a principal causa de estresse em um relacionamento.

Cerca de 35% dos entrevistados que experimentaram estresse no relacionamento disseram que o dinheiro era a principal causa de atrito.

Os hábitos irritantes vêm em segundo lugar, com 25%.

A pesquisa também mostrou que há uma dificuldade em aceitar a culpa em relação ao fracasso financeiro do casal.

A maior parte dos entrevistados atribuiu bons hábitos financeiros virtuosos a si mesmos. Cerca de 34% disseram que eram os poupadores e seus parceiros, os que gastavam, e apenas 13% o contrário. 

Já 47% disseram que eles e seus parceiros tinham hábitos de poupança e gastos diferentes. Ou seja, eles são incompatíveis financeiramente.

Faça aqui o teste de compatibilidade financeira e descubra se você e sua/seu parceira/o combinam.

Quando falamos em compatibilidade financeira não significa que precisa procurar alguém com a mesma situação financeira que você.

Esse tipo de compatibilidade tem muito mais a ver com suas atitudes e hábitos em relação ao dinheiro.

De volta à pesquisa do SunTrust Bank, os casais não apenas discutem sobre dinheiro, como também escondem as transações um do outro

Um em cada cinco americanos em um relacionamento disse que gastou US$ 500 ou mais e não contou ao parceiro e 6% mantêm contas ou cartões de crédito secretos.

Como os Milionários Investem? Conheça os 10 Passos para ser um Investidor de Sucesso”.

A comunicação é a palavra-chave

O maior desafio que os casais enfrentam quando se trata de suas finanças é a comunicação, ou a falta dela.

Mas para elaborar um planejamento financeiro de casal, a conversa sobre dinheiro é importante. 

Não importa em que estágio você está em seu relacionamento, nunca é cedo ou tarde para começar a conversar sobre dinheiro . 

Para começar a organizar a vida financeira da família essas são as três conversas que você precisa ter:

1. Números

A primeira coisa que você precisa fazer é saber onde cada um de vocês está financeiramente. Caso contrário será quase impossível traçar um plano para seu futuro financeiro. 

Nessa conversa, devem ser abordados todos os princípios básicos:

  • Quanto cada um ganha;
  • Quanto deve (empréstimos, cartões de crédito e outras dívidas);
  • Quanto gasta;
  • Quanto economiza.

Para construir um futuro juntos, é preciso ser honesto com seu cônjuge.

Nenhum de vocês precisa ser perfeito, mas precisam estar na mesma página e estarem abertos a resolver os problemas financeiros atuais ou futuros juntos.

Uma pequena dívida pode ser administrável, mas imagina descobrir que seu parceiro deve milhares de dólares a empresas de cartão de crédito?

Será preciso um planejamento e um controle muito mais de perto.

2. Objetivos financeiros

Depois que você e seu/sua parceiro/a se aprofundarem nos números um do outro, chegou a hora de conversar sobre seus hábitos e objetivos financeiros são compatíveis ou não entre si.

Se você sempre sonhou em ter uma casa e quer fazer isso logo, pode se sentir bem ao cortar outras despesas, como tirar férias, por exemplo, em prol de realizar esse objetivo.

Mas será que o outro também tem as mesmas coisas e está disposto a fazer sacrifícios para alcançá-las?

Está tudo bem se seus objetivos financeiros não estiverem perfeitamente alinhados no momento. 

Você simplesmente tem que estar disposto a fazer concessões para chegar a um lugar que os torne felizes e realizados.

Como Alcançar a Liberdade Financeira? Baixe Aqui o Plano Definitivo para a Liberdade Financeira.

3. Como vão organizar as finanças do casal

A organização das finanças depende da preferência de cada casal.

Alguns optam por abrir uma conta bancária conjunta, outros decidem manter seu dinheiro separado por toda a vida.

Como vão dividir as contas? Quanto cada um vai contribuir?

Independente da escolha, ambos precisam estar confortáveis e na mesma página quando se trata de orçamento.

Mesmo não tendo uma conta bancária conjunta como casal, uma planilha de orçamento conjunta é fundamental para ajudar a controlar o dinheiro e ver para onde ele está indo.

Dicas sobre Liberdade Financeira

O momento em que cada casal começa a ter essas conversas depende do relacionamento, mas muitos especialistas em finanças pessoais diriam que quanto mais cedo, melhor.

Independente do tempo, nenhum casal que pretende ter um plano sólido para o futuro financeiro juntos poderá se afastar de nenhuma dessas conversas.

Afinal, se você está abrindo espaço para alguém em sua vida, é melhor acreditar que essa pessoa o levará mais longe em todas as áreas da sua vida, inclusive nas finanças.

Dicas sobre Liberdade Financeira

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE