O que é LTN - Letra do Tesouro Nacional

LTN - Letra do Tesouro Nacional é uma modalidade de investimento considerada de baixo risco que pode ser realizada por qualquer indivíduo que possua uma conta em uma corretora de investimentos.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Em outras palavras, quando surge a necessidade de recursos por parte do governo federal é possível a emissão das letras para o mercado financeiro, e dessa forma, é possível captar recursos.

A LTN é um recurso que possui um papel de grande importância em nossas vidas, seja de maneira direta ou indireta.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Funcionamento da LTN - Letra do Tesouro Nacional

A LTN possui o seu funcionamento de maneira semelhante a outras letras que são oferecidas por meio do Tesouro Direto.

Vale ressaltar que a LTN é denominada de Tesouro Prefixado. Essa alteração a esse elemento do mercado financeiro ocorreu há um certo tempo, e o seu principal objetivo é familiarizar os indivíduos aos títulos públicos.

Outrossim, o tesouro prefixado (LTN) se mostra como uma categoria de aplicação de capital que permite que o empreendedor conheça a rentabilidade de maneira melhor.

Além disso, a letra possui um rendimento que é prefixado, e por conta disso é possível descobrir qual será o rendimento final do título.

É importante ressaltar que as letras prefixadas que possuem ligação com o Tesouro Direto, possuem uma certa instabilidade, a qual vai desde a compra de sua letra até o seu vencimento.

Isso significa que o título envolvido no processo pode acarretar em futuros prejuízos para o investidor se não for realizado o seu resgate antes mesmo do vencimento.

Em relação às oscilações envolvendo a LTN, elas seguem as que já existem nos juros que surgirão futuramente.

Ou seja, quando os juros sobem, existe a possibilidade de o valor do título envolvido no processo entrar em processo de queda.

Considerando o que foi dito, podem surgir possíveis instabilidades em seu papel, pois a letra não irá sofrer com a depreciação.

Sendo assim, quando os juros futuros entram no processo de queda, a letra investida tem um forte tendência de ser valorizada, pois o juros caiu.

A valorização citada puxa o valor da letra para cima em um curto prazo. Consequentemente, o Tesouro Prefixado (LTN), além das letras do Tesouro IPCA possuem esses atributos.

Por sua vez, no que se refere ao médio e curto prazo, as letras podem oferecer ganhos que se destacam como acima da média.

Porém, em casos de queda essas letras podem trazer grandes prejuízos para o investidor.

Função da LTN - Letra do Tesouro Nacional

A LTN é um investimento que se mostra extremamente interessante, especialmente no que se refere a desconfiança gerada sobre o país envolvido no processo ou quando os juros se demonstram altos.

Quando se trabalha com uma taxa de juros de maneira elevada em solo nacional, pode-se presumir que talvez seja interessante trabalhar com letras Prefixadas.

Porém, quando o país possui taxas de juros menores, é necessário avaliar se existe uma possibilidade de elevação nos juros atuais, além de analisar se futuramente ela estará em alta ou em queda.

Por fim, as letras prefixadas se mostram como elementos extremamente interessantes no mercado financeiro, porém devem ser usadas com muita cautela.

Modelos de LTNs

Hoje em dia existem duas modalidades de LTN disponíveis para investimento financeiro, as quais são: uma para vencimento em 2021 e outra para vencimento em 2025.

Apesar de ambas as letras serem LTNs, a rentabilidade delas se mostram diferentes, além dos seus respectivos vencimentos citados.

Considerando o que foi dito, é possível concluir que a LTN é uma modalidade de captação de recursos altamente eficiente e recomendada para os investidores.