Na próxima semana, serão divulgados dados importantes de novembro. No Brasil, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga dados do IPCA e, na China, sai o IPC de novembro.

Todo domingo, o TheCap analisa o Calendário Econômico brasileiro e mundial, junto com a Agenda do Mercado Financeiro, destacando os principais eventos que afetarão o mercado financeiro da semana.

Esses comentários sobres os destaques do mercado financeiro da semana de 05/12 a 11/12.

Reunião do Copom

Na quarta-feira (08), o Comitê de Política Monetária do Banco Central do Brasil (BCB) se reunirá para definir a Taxa Selic.

Na última reunião, o Comitê de Política Monetária do Banco Central do Brasil (BCB) decidiu aumentar em 1,5 ponto percentual a Taxa Selic.

De acordo com o Boletim Focus, a projeção é que a Taxa Selic seja elevada para 9,25% na próxima reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central do Brasil (BCB).

IPC da China

Na quarta-feira (08), o Escritório Nacional de Estatísticas da China divulgará o Índice de Preços ao Consumidor (CPI) de novembro, indicador de inflação do país.

Em outubro, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) variou +0,7% dentro das expectativas. Para novembro, a projeção é que o índice varie +0,3%, uma redução de -0,4 ponto percentual em relação a outubro.

IPCA de Novembro

Na sexta-feira (10), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) irá divulgar os dados do IPCA de novembro, principal indicador de inflação do país.

Em outubro, o IPCA mensal ficou em +1,25%, acima da projeção dos analistas e, atualmente o IPCA soma +10,67% nos últimos 12 meses.

Na última publicação, fatores como o maior preço da gasolina e das passagens aéreas, impulsionaram a alta do IPCA em outubro.

Outros indicadores

No Brasil, será divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), as vendas do varejo de outubro.

De acordo com os especialistas, a projeção é que as vendas do varejo recuem -5,6% em outubro.