O colapso do token inspirado na popular série da Netflix Round 6 assustou investidores essa semana. Muitos deles se perguntaram como se proteger e identificar uma criptomoeda fraudulenta? 

A criptomoeda 'SQUID' disparou para US$ 2.861 na noite de domingo antes de cair para US$ 0,003467 na segunda-feira (1) de manhã.

Haviam alertas para uma possível fraude que só se confirmou.

"O apagamento de contas de sites e redes sociais é um sinal óbvio de que [o token] é uma farsa", disse Bobby Ong, co-fundador da firma de criptografia CoinGecko, ao Insider em uma entrevista recente. "O golpe completou seu ciclo e o preço acabou de cair significativamente."

Reguladores em todo o mundo já levantaram preocupações sobre fraudes de criptomoedas no passado. 

Em um discurso em 3 de agosto, o presidente da SEC, Gary Gensler, descreveu o mercado não regulamentado de criptoativos como o "Velho Oeste".

"No momento, simplesmente não temos proteção suficiente para os investidores em criptomoedas", disse ele ao Aspen Institute. "Se não resolvermos esses problemas, temo que muitas pessoas se machuquem."

O site Business Insider conversou com analistas de criptomoedas e especialistas em finanças pessoais para determinar a aparência de um esquema de tokens fraudulento e como os investidores podem se proteger melhor.

Qual Criptomoeda Comprar Hoje? Baixe Grátis o Relatório da Criptomoeda Promissora para 2022".

Golpes costumam ser "bons demais para ser verdade"

A maioria dos observadores de criptomoedas presentes nas redes sociais já deram uma noção de como é um golpe. 

Usuários ativos e bots promovem desinformação sobre os retornos potenciais de uma moeda pouco conhecida para 'inflar' seu preço. Eles então 'descartam' suas participações assim que acreditam que o preço atingiu o pico.

Isso significa que os investidores mais tarde terão que absorver as perdas.

"Pode ser mais fácil para os investidores em criptomoedas serem vítimas de um esquema de Pump and Dump", disse Simon Peters, analista de criptoativos da empresa de serviços financeiros eToro. 

A prática de "inflar e largar" é uma forma de fraude e manipulação de mercado que envolve inflar artificialmente o preço de um ativo e depois vender.

"Grandes retornos são possíveis para os investidores, e muitos estão procurando a próxima grande criptografia e perseguindo retornos extraordinários."

"Aqueles que procuram ganhos rápidos e não conseguem fazer suas pesquisas podem ser suscetíveis à disseminação de desinformação e encorajados a comprar um ativo específico que, de outra forma, não teriam", acrescentou.

Outros especialistas concordam que os investidores devem ser cautelosos com tokens desconhecidos que prometem retornos de três dígitos.

"A conversa nas plataformas de mídia social e o potencial para fraudes e golpes estão aumentando, com tantas pessoas desesperadas para imitar histórias de enriquecimento rápido", disse Susannah Streeter, analista de investimentos e mercados da corretora britânica Hargreaves Lansdown.

 "Alguns dos mais vulneráveis ​​financeiramente estão jogando com dinheiro que não podem perder."

Há diversas histórias sobre investidores de varejo que perderam suas economias em criptomoedas. 

Recentemente um especulador de Xangai perdeu a economia de uma vida com o token inspirado no Round 6.

O executivo-chefe da especialista em criptografia de dados e software, Lukka, diz para os investidores pensarem cuidadosamente sobre seu próprio perfil de risco antes de investir em criptomoedas.

Faça o teste online e descubra seu perfil de investidor.

"Vá brincar com algumas das outras moedas com uma quantia que está disposto a perder, mas conte com a perda desse dinheiro se estiver investindo em altcoins." disse Robert Materazzi ao Insider em uma entrevista recente. 

Olhe para a comunidade por trás de uma moeda

Especialistas em criptomoedas dizem para os investidores pesquisar os desenvolvedores de uma moeda digital antes de tomar a decisão de se envolver.

"Se você está procurando por sinais, eu apontaria olhar para a comunidade por trás de uma criptomoeda", disse Mason Nystrom, analista da empresa de pesquisa de criptografia Messari. 

“Observe as métricas do desenvolvedor, observe o crescimento real, veja se as pessoas estão depositando seu capital em um protocolo e usando-o para algo específico”.

“Alguns projetos não têm objetivos claros, querem apenas tirar capital do consumidor e não têm interesse em devolvê-lo”, acrescentou.

Peters, da eToro, concorda com Nystrom que os investidores deveriam investigar a comunidade por trás de uma moeda.

“Os investidores devem sempre olhar para as credenciais das pessoas por trás do projeto - principalmente para entender sua experiência e se eles estiveram envolvidos em outros projetos semelhantes, ou são novos no espaço”, disse ele. 

"Se os membros fundadores ou a organização por trás da criptomoeda estão detendo a maior parte do suprimento em circulação, isso também pode ser um motivo para ser cauteloso."

Peters apontou a mania da oferta inicial de moedas de 2017 como um período em que muitos investidores despejaram dinheiro em cripto tokens pouco conhecidos. 

78% dos ICOs (ofertas iniciais de criptomoedas) naquele ano acabaram sendo identificados como scams, de acordo com a consultoria Satis Group.

"Muitos projetos fraudulentos conseguiram enganar os investidores, puramente com base em um whitepaper e um site", disse ele. "Não havia credibilidade real nesses projetos, mas eles conseguiram convencer muitos a comprar."

Qual Criptomoeda Comprar Hoje? Baixe Grátis o Relatório da Criptomoeda Promissora para 2022".

Ignore os influenciadores

Kim Kardashian parece um alvo improvável para investigação pelo regulador dos mercados financeiros, mas a celebridade e influenciadora se viu em apuros regulatórios quando usou sua conta do instagram para promover o token de criptomoeda pouco conhecido ethereum max (EMAX).

É importante salientar que essa criptomoeda não tem nenhuma relação com o ethereum ou ether (ETH), de Vitalik Buterin.

"Não posso dizer se este token em particular é uma fraude", disse o presidente da Autoridade de Conduta Financeira, Charles Randell, falando no Simpósio Internacional de Crime Econômico de Cambridge sobre a promoção do ethereum max por Kardashian. 

"Mas os influenciadores da mídia social são rotineiramente pagos por golpistas para ajudá-los a inflar e largar novos tokens por pura especulação."

"Alguns influenciadores promovem moedas que simplesmente não existem", acrescentou.

Um importante influenciador de investimentos disse à Insider que eles recebem ofertas de "milhares de dólares ou mais" para promover "criptomoedas aleatórias" diariamente.

Os especialistas concordam que um dos primeiros passos de um investidor deve ser verificar se um token está listado em uma bolsa importante, como Coinbase ou Binance

Qual Criptomoeda Comprar Hoje? Baixe Grátis o Relatório da Criptomoeda Promissora para 2022".

O token do Squid Game, por exemplo, nunca foi encontrado em nenhuma das plataformas.

"Se o token não estiver listado em uma importante bolsa de criptomoedas, isso pode levantar alguns pontos de interrogação, então sempre proceda com cautela", disse Peters da eToro. 

"As bolsas e corretores devem examinar os projetos antes de decidir listá-los em suas respectivas plataformas."

No momento, a única maneira dos investidores se protegerem no 'Velho Oeste'  da criptomoedas movido por influenciadores é fazendo essas perguntas.

“A especulação vai continuar a fazer parte dos criptoativos; é assim que você financia ideias que não poderiam ser financiadas de outra forma”, disse Nystrom de Messari à Insider. 

"Portanto, cabe aos investidores fazer a devida diligência e à comunidade se auto-regular quando puder."

Para investir com segurança, veja mais formas de reduzir o risco de investir em criptomoedas.

Fonte: Business Insider

Qual Criptomoeda Comprar Hoje? Baixe Grátis o Relatório da Criptomoeda Promissora para 2022".