A Warner Music Group (WMG) anunciou nesta quarta-feira (23) que fez uma parceria com a empresa de jogos em blockchain Splinterlands para desenvolver jogos play-to-earn para sua lista de artistas.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

A Warner Music diz que está focada na criação de jogos NFT estilo arcade, compatíveis com dispositivos móveis, para começar.

A partir disso, o objetivo do grupo de gravadoras é obter “adoção mais ampla e construção de comunidade, de acordo com o comunicado de imprensa.

“Acho que não podemos subestimar o quão grande é a oportunidade em torno dos jogos play-to-earn (P2E), disse Oana Ruxandra, diretora digital da WMG, no comunicado.

“À medida que construímos, desbloqueamos novos fluxos de receita para nossos artistas, solidificando ainda mais a participação dos fãs no valor criado, comentou.

Warner Music Group

A WMG é proprietária das gravadoras Atlantic, Warner Records, Elektra e Parlophone.

A incursão inicial do grupo no mercado de criptoativos ocorreu em janeiro, quando anunciou que estava construindo um parque temático no metaverso do jogo The Sandbox.

O parque teria como finalidade sediar shows virtuais dos artistas das gravadoras do grupo.

Qual Criptomoeda Comprar Hoje? Baixe Grátis o Relatório da Criptomoeda Promissora para 2022.

Splinterlands (SPS)

O produto mais popular da Splinterlands é um jogo de cartas baseado em blockchain com o mesmo nome da empresa, que possui mais de 1,8 milhão de usuários.

O token nativo do jogo (SPS) chegou a subir +7% com as notícias.

Fonte: Binance News