Para quem acompanha minimamente o noticiário, os riscos e problemas do Brasil já estão dados.

Todo mundo está sentindo no bolso a alta dos preços.

Qualquer pessoa que fez um financiamento com taxas pós-fixadas está amargurada com a alta dos juros.

Não bastasse isso, cá estamos tensos com uma iminente eleição que deve polarizar o país novamente.

Sim, tudo isso afetou a bolsa de valores negativamente.

Não à toa, hoje o Ibovespa negocia no seu menor múltiplo de Preço/Lucro registrado no século XXI, segundo gráfico da Oceans14:

Índice P/L do Ibovespa
Índice P/L do Ibovespa em 28/03/22.

A mensagem que fica aqui é que a inflação, taxa Selic e a eleição já estão embutidos nos preços atuais.

→Como Investir no Cenário Econômco Atual? Veja as 3 Ações com Maior Potencial de Valorização no Brasil.

O mercado de ações já sabe de tudo isso.

Do contrário, não estaríamos tão baratos.

A única surpresa possível seria a eleição ser mais tranquila do que o esperado, mas isso seria uma surpresa boa, a qual desencadearia um bom desempenho para os ativos de risco brasileiros.

Enquanto isso, algumas notícias boas aparecem mais silenciosamente e só devem ser percebidas após a passagem dos ruídos negativos.

Veja…

Após negociações, Rússia está reduzindo as atividades militares em Kiev, capital da Ucrânia.

Mesmo com a troca de presidente, a Petrobras (PETR4) deverá manter a política de preços de combustíveis com paridade internacional.

O Banco Central, através da última ata do Copom, deixou no ar possíveis aumentos adicionais na Taxa Selic, ou seja, a instituição não será leniente com possíveis aumentos inflacionários.

O Caged de fevereiro registrou a criação de mais de 300 mil empregos, acima do esperado pela média do mercado financeiro.

Os preços de commodities seguem altos, haja vista que a demanda pelas mesmas têm aumentado e, por uma questão de ESG, a oferta desses insumos básicos é limitada.

Isso já tem impactado positivamente as contas externas brasileiras.

Não só o investidor estrangeiro já colocou mais de R$ 70 bilhões na bolsa brasileira em 3 meses de 2022, como esse fluxo já puxou o dólar para a casa dos R$ 4,70, a menor cotação em 2 anos.

→Como Investir no Cenário Econômco Atual? Veja as 3 Ações com Maior Potencial de Valorização no Brasil.

Silenciosamente a bolsa brasileira saiu de 100 mil pontos para 120 mil pontos nesses 3 meses.

Pouca gente aproveitou as oportunidades de investimento.

Temos reforçado que a bolsa deverá seguir entregando bem mesmo com os ruídos.

E quando os ruídos acabarem, poderá ser tarde demais. 

Ao que parece, janeiro foi o timing perfeito para se posicionar, mas como não podemos voltar ao passado, o melhor timing só pode ser agora.

A carteira do Joias da Bolsa, tocada pelo Eduardo Voglino, está pronta para decolar.