O que são Units?

Os ativos Units, ou como também são conhecidos, Certificado de Depósito de Ações, são ativos de uma classe de valores mobiliários, como ações ordinárias (ON), ações preferenciais (PN), BDRs e etc.

As units são adquiridas ou vendidas no mercado como uma unidade.

As ações units são pouco utilizadas no mercado acionário, gerando ao detentor dos ativos o direito de voto em AGEs corporativas de empresas ou organizações e preferência sobre o recebimento de dividendos da empresa.

Os ativos units são negociados no mercado acionário como lotes ou unidades. Sendo fácil, achar na B3 ativos units com várias classes de ações através de somente um pacote.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

As units normalmente aparecem em companhias ou organizações que já estão há um determinado tempo listadas na Bolsa de Valores.

Isso se deve ao fato da maioria das companhias que realizam o IPO (oferta inicial de ações) e são listadas na B3 entram como participantes do segmento de listagem chamado Novo Mercado em que não é permitido emitir ações PN.

Isso é uma forma de dar mais valor e confiança a todos os acionistas que realizam a compra de ações preferenciais de uma empresa e assegurar seus direitos.

Como identificar uma Unit?

As units são ativos compostos, que são vendidos no mercado em lotes, sejam eles de no mínimo 100 ações preferenciais, ações ordinárias, BDRs, entre outros.

Na bolsa de valores, geralmente as units possuem o número 11 ao final do ticker da empresa listada. Ou seja, são identificadas como “XXXX11”.

Geralmente as units sempre possuem um sufixo “11” junto ao ticker da empresa listada na bolsa. Podemos citar como exemplo o ticker do BTG Pactual, BPAC11.

Porém ainda pode ser obtida outra usabilidade através do sufixo “11”, ela pode indicar que esses ativos sejam fundos imobiliários e ETFs no mercado de ações brasileiro (B3).

Para investidores iniciantes pode ser que haja uma confusão na primeira vez que estiver visualizando, porém com tempo e experiência o investidor acaba se acostumando.

Investir em units é praticamente igual a investir em ações individuais. A única mudança é a são dos direitos societários, pois o investidor passa a estar, paralelamente, na posição de acionista ordinário e preferencial.

O pacote de units tem como objetivo aumentar a liquidez das ações da companhia e diminuir a possibilidade de perda de controle acionário pelos acionistas majoritários.

Para o investidor que deseja operar as units, é necessário um conhecimento mais avançado do funcionamento dos mercados acionários e suas estruturas de precificação.

Vantagens das Units

Uma das principais vantagens dos ativos units é a possibilidade de adquirir diversos tipos de ações de uma só vez, e consequentemente todas as suas características.

Quando o investidor detém o direito sobre uma Unit composta de ações ordinárias (ON) e preferenciais (PN), o investidor possui tanto o direito de voto em uma assembleia empresarial quanto o direito à preferência no recebimento de dividendos.

Essa vantagem adquirida pode ser muito positiva para o perfil de investidores que desejam uma maior fatia de direitos como acionista em uma companhia.

Normalmente é comum que esses ativos invistam automaticamente os dividendos recebidos, a fim de melhorar seus valores nas cotas.

E além do direito a voto em uma assembleia e preferência de recebimento dos dividendos, há um método bastante utilizado nas companhias chamado Tag Along, que serve para dar proteção e confiança a acionistas minoritários.

Outra vantagem possuída pelas units é o volume de negociação e liquidez superior que as próprias ações que as compõem.

Além de outros benéficos como a distribuição regular de dividendos, facilidade de negociação, possibilidade de empréstimo do ativo e recebimento de rendas extras, fácil acesso a pequenos investidores, entre outras opções.