Telefônica (VIVT3, VIVT4) Pagará R$ 900 milhões em Dividendos
| , ,

Telefônica (VIVT3, VIVT4) Pagará R$ 900 milhões em Dividendos

Telefônica (VIVT3, VIVT4) anunciou que pagará R$ 900 milhões de JSCP em 2021. Veja a data limite para você receber.

Por
Atualizado em 17/06/2020

Telefônica Brasil (VIVT3, VIVT4) anunciou nesta quinta-feira (17), através de fato relevante, que pagará R$ 900 milhões em dividendos para quem tiver ações da companhia até o dia 30 de junho.

O valor líquido do pagamento dos proventos será correspondente a R$ 0,424851 por ação ordinária e R$ 0,467337 por ação preferencial e será pago até o final do exercício social de 2021, devendo a data ser definida pela empresa.

  • Valor por ação ordinária: R$ 0,424851;
  • Valor por ação preferencial: R$ 0,467337;
  • Data de COM: 30 de junho de 2020;
  • Data EX: 01 de julho de 2020;
  • Data de pagamento: Até o final do exercício social de 2021.

Pela cotação de hoje no fechamento, esse valor líquido representa 0,85% de rendimento em ações ordinárias e 0,93% em ações preferenciais.

Conhece as Maiores Ações de Dividendos? Baixe Grátis o “Ranking das Top 10 Pagadores de Dividendos”.

Mas atenção, a partir de 01 de julho os ativos serão negociados em ex-dividendos, e o investidor perde o direito de receber os dividendos.

Resultado da Telefônica  no Primeiro Trimestre de 2020

O resultado da Telefônica (VIVT3, VIVT4) no primeiro trimestre de 2020 (1t20), divulgado no dia 06 de maio, apresentou um lucro líquido de R$ 1,1 bilhão, queda de -14,1% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da Telefônica atingiu R$ 4,5 bilhões no 1t20, apresentando crescimento de 3,4% na comparação com o 1t19.

A margem ebitda foi totalizou 41,6%, um crescimento de 1,9 p.p. quando comparado ao 1t19.

Já a margem líquida da Telefônica atingiu 10,7% no 1t20, apresentando retração de -1,6 p.p. na comparação com o 1t19.

As ações da Telefônica (VIVT3) acumulam alta de 1,50% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 22,88% nos últimos 12 meses, já a (VIVT4) acumula alta de 0,22% últimos 7 dias e valorizou 4,87% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE