O que é TED - Transferência Eletrônica Disponível?

O que chamamos de TED - Transferência Eletrônica Disponível, é uma modalidade de operação feita entre contas de instituições financeiras distintas. Algo presente na cesta de serviços essenciais destas instituições.

De forma geral, esse tipo de transação é feita de maneira ágil e segura, sendo suas principais características as descritas abaixo:

  • Inconvertível: se por algum acaso você cometer o erro de transferir esse valor para uma conta errada, a ação não pode ser desfeito já que a compensação é rápida.
  • Montante: não existem limitações para que uma TED possa ser realizada de acordo com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e o Procon, algo implementado desde 2016;
  • Horário: o valor só será recebido na conta destino da operação ainda no dia da transferência apenas se for realizado até as 17hrs e em dia útil, acontecendo em poucos minutos.

Para que essa movimentação aconteça, as organizações cobram uma tarifa do usuário da conta que faz a ação. Grande parte das fintechs brasileiras adotam a não cobrança dessas taxas.

Ou seja, oferecendo contas digitais consideradas praticamente livres de taxas. Ao contrário do que acontece em boa parte das contas digitais de bancos tradicionais.

Tais tarifas são regulamentadas pelo Banco Central, que determina ainda um valor máximo que pode ser cobrado aos clientes.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Como Funciona um TED - Transferência Eletrônica Disponível?

Antigamente, uma TED só era possível de ser realizada através de um caixa eletrônico ou nas agências bancárias. Hoje, o serviço é feito facilmente pela internet. Para isso é preciso apenas:

  • Código da instituição bancária e número da conta que receberá a transferência;
  • Tipo de conta e CPF/CNPJ do titular da conta destino.

Antes de finalizar a operação, é sempre recomendado conferir se todos os dados informados estão preenchidos corretamente. Em algumas instituições conta Poupança não pode receber TED.

Caso a transferência seja feita antes do horário comercial, o valor é recebido na conta destino no mesmo dia. Após esse horário ficará agendada para o próximo dia útil.

O prazo estipulado para que o valor transferido caia na conta destino é de cerca de 20 minutos

Em relação aos seus valores da Transferência Eletrônica Disponível (TED), esses costumam variar em 3 aspectos. Um é de acordo com as instituições de envio e destino, o segundo é local de origem:

Por fim, a cesta de serviços financeiros que o usuário da conta enviante possui, também interfere nessa cobrança. Quem possui um pacote um pouco mais básico acaba pagando a parte.

Na internet e em terminais de autoatendimento, os valores são iguais e mais baixos. Já as operações realizadas presencialmente são mais caras, devido ao custo físico e operacional envolvidos. 

A Febraban possui um Sistema de Divulgação de Tarifas de Serviços Financeiros. Nela, é possível fazer a comparação sobre a tarifa aplicada por cada instituição. 

Quais as Diferenças Entre TED e DOC?

Entre a Transação Eletrônica Disponível (TED) e o Documento de Ordem de Crédito (DOC) existem diferenças em como são realizadas, apesar de serem muito semelhantes.

Algo que deixa muitas pessoas em dúvida sobre quais destes dois serviços financeiros utilizar. Basicamente, ambas servem para transferir algum valor entre contas, mas os aspectos que as diferencia são:

  1. Convertibilidade: no DOC você pode reverter a transferência caso note algum erro no envio, desde que isso seja feito antes do prazo de entrega do valor ou seu agendamento;
  2. Compensação: o DOC cairá na conta destino do valor em 1 ou 2 dias úteis após a transferência ser operada (ação sujeita ao horário comercial), enquanto a TED cairá em alguns minutos;
  3. Montante: o DOC permite um valor máximo de até R$ 4.999,99 por operação, enquanto o TED não possui essa exigência, já para valores mínimos ambas não possuem limitações;
  4. Prazos: diferentemente do TED, o DOC trabalha com horários mais flexíveis, até as 21h59 em dias úteis o dinheiro cai no próximo dia útil e, após isso, soma-se mais um dia no prazo;
  5. Canais: tanto o DOC quanto o TED podem ser realizados por meio dos mesmos canais, funcionando de forma bastante semelhante.

Portanto, antes de realizar alguma transferência de crédito sempre considere qual é a melhor opção de acordo com o tipo de ação que você está realizando naquele momento.