Tecnisa Recebe Oferta Não-Solicitada da Gafisa
| , ,

Tecnisa Recebe Oferta Não-Solicitada da Gafisa para Combinação de Negócios

A proposta inesperada terá seus tópicos analisados em assembleia geral da Tecnisa.

Por
Atualizado em 19/08/2020

A Tecnisa (TCSA3) comunicou nesta quarta-feira (19), por meio de fato relevante, que recebeu uma oferta não-solicitada para combinação de negócios com a construtora Gafisa (GFSA3). A proposta inesperada foi enviada no final desta terça-feira (18).

De acordo com a companhia, a oferta não traz detalhes sobre as condições para a união dos negócios de ambas. Essas questões devem ser objetos de discussão entre os administradores das duas incorporadoras.

Conforme a Tecnisa, a proposta foi enviada pela Bergamo Fundo de Investimento Multimercado Crédito Privado, que tem a Gafisa como único cotista.

O fundo também detém 3,1% do capital social da Tecnisa.

Como ser Sócio dos Melhores Negócios? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Empresas para Investir”.

“A proposta não-solicitada não contempla a estrutura da operação, os fundamentos econômico financeiros ou a relação de substituição entre as ações da Tecnisa e da Gafisa na entidade que consolidará os negócios, no caso de estrutura envolvendo incorporação ou incorporação de ações, ou o preço a ser pago em eventual oferta pública voluntária de aquisição de ações”, explica Tecnisa no fato relevante.

A Gafisa teria proposto que a definição dos procedimentos aplicáveis fique a cargo de negociações entre as administrações de ambas as sociedades.

Por meio do fundo, a Gafisa também solicitou a convocação de assembleia geral extraordinária da Tecnisa para deliberar sobre a proposta não-solicitada e mudanças na governança da incorporadora.

Dentre as alterações propostas estariam a retirada dos dispositivos de “poison pill“, que proíbem a aquisição de participação relevante na empresa, a escolha de novos membros do conselho de administração e do conselho fiscal, além do aumento de capital de R$ 500 milhões.

A Tecnisa confirmou que convocará a assembleia para avaliar os tópicos encaminhados pela Gafisa.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Estadão

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE