Taesa TAEE11 Vê Alavancagem Adequada e Segue com Dividendos
SIMULE AGORA
| , , ,

Taesa (TAEE11) Vê Alavancagem Adequada e Segue com Dividendos

A elétrica Taesa (TAEE1) vê alavancagem adequada e quer seguir pagando muitos dividendos, afirmou o CFO.

Por
Atualizado em 08/04/2021

A transmissora de energia elétrica Taesa (TAEE11) está com nível de endividamento adequado e pretende seguir perseguindo novos investimentos enquanto distribui dividendos significativos para os acionistas.

O posicionamento da empresa foi confirmado pelas falas dos executivos da companhia nesta quinta-feira (4), durante teleconferência com investidores.

Banner will be placed here

A empresa, controlada pela estatal mineira Cemig (CMIG4) e o grupo colombiano Isa, encerrou 2020 com alavancagem financeira de 3,8 vezes, se considerada a relação entre dívida líquida e geração de caixa operacional (Ebitda).

No primeiro trimestre de 2020 esse nível era de 3 vezes.

“Esse perfil de dívida é adequado à Taesa, visto que temos um nível de custo financeiro baixo e prazo longo. Então não temos nenhuma dificuldade de manter esse endividamento e esse nível de estrutura de capital”, disse o diretor financeiro da Taesa, Erik Breyer.

“Até costumo dizer aqui na Taesa que é até o contrário, nosso desafio é manter o nível de alavancagem alto, através da obtenção de boas oportunidades de investimento”.

“Essa alavancagem, se a gente não conseguir um uso adequado dentro da companhia (para o caixa gerado) ela rapidamente cai, cai muito rápido, em função do fluxo de caixa contínuo que temos”, afirmou.

O diretor destacou ainda que a Taesa pretende manter elevado nível de distribuição de proventos, entre 50% e 100% dos lucros, embora não tenha estabelecido uma política de dividendos bem definida.

“Discutimos muito no planejamento estratégico se íamos construir uma métrica… e a gente viu que o melhor para maximização de valor das ações é a gente deliberar conforme o momento”, acrescentou Breyer.

“Nossa missão é buscar crescimento e geração de valor. Pagar ao menos de 50% a 100%, baseado nas expectativas que a gente tem de ter um bom uso do recurso ou não. Sendo sempre uma ‘cash-cow’, uma empresa muito pagadora de dividendo.”

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da Taesa no Quarto Trimestre de 2020

O resultado da Taesa (TAEE11) no quarta trimestre de 2020 (4t20), divulgado no dia 3 de março, apresentou um lucro líquido de R$ 829,0 milhões no 4t20, uma alta de 194,7% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da Taesa atingiu R$ 840,0 milhões no 4t20, apresentando crescimento de 272,4% na comparação com o 4t19.

A margem Ebitda da Taesa totalizou 71,5% no 4t20, apresentando crescimento de 23,8 pontos percentuais na comparação com o 4t19.

A Margem líquida da Taesa atingiu 70,6% no 4t20, apresentando crescimento de 29,1 pontos percentuais na comparação com o 4t19.

As ações da Taesa (TAEE11) acumulam alta de 3,29% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 19,53% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Reuters

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE