A Suzano (SUZB3) vai aumentar em US$ 50 por tonelada o preço da celulose branqueada (BEK) na Ásia a partir de fevereiro.

É o terceiro reajuste da companhia na região recentemente. Em dezembro, o preço aumentou em US$ 20/t e em janeiro em US$ 30/t.

Segundo a companhia informou em outras ocasiões, o reajuste acontece com a retomada da demanda na China no final do ano passado.

A ideia é que o preço da commodity na Ásia, em torno de US$ 550 por tonelada, se aproxime do praticado na Europa, de mais de US$ 1,1 mil por tonelada.

A companhia não deu informações sobre os preços na Europa e nos EUA.

Para os analistas, o cenário é positivo para as empresas de papel e celulose, que veem o mercado chinês com boas perspectivas, com a capacidade de utilização das fábricas aumentando na região e os estoques diminuindo.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da Suzano no Terceiro Trimestre de 2021

O resultado da Suzano (SUZB3) no terceiro trimestre de 2021 (3t21), divulgado no dia 28 de outubro apresentou um prejuízo de R$ 959 milhões no 2t21, contra prejuízo de –R$ 1,1 bilhão em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da Suzano atingiu R$ 6,3 bilhões no 3t21, apresentando crescimento de 66% na comparação com o 3t20.

A margem Ebitda da Suzano totalizou 70,1% no 3t21, apresentando crescimento de 17,0 ponto percentual na comparação com o 3t20. 

A Margem líquida da Suzano atingiu -8,9% no 3t21, apresentando crescimento de 6,6 ponto percentual na comparação com o 3t20.

As ações da Suzano (SUZB3) acumulam alta de 1,12% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 0,13% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.