O conselho de administração da Suzano (SUZB3) deu a aprovação definitiva aos investimentos estimados em R$ 14,7 bilhões na construção de uma unidade de produção de celulose em Ribas do Rio Pardo, no Mato Grosso do Sul.

O chamado Projeto Cerrado prevê a instalação de uma planta com capacidade de produção de 2,55 milhões de toneladas de celulose de eucalipto por ano - mais do que as 2,3 milhões de toneladas inicialmente previstas -, com início da operação no segundo semestre de 2024.

A unidade, ressalta a Suzano, trará maior competitividade estrutural para a companhia atender a demanda crescente por celulose de fibra curta.

O projeto, acrescenta a companhia, também estará alinhado a seus compromissos de sustentabilidade.

Fonte: Estadão Conteúdo.