S&P Projeta que Covid-19 Custará US$2,1 Tri aos Bancos do Mundo
|

S&P Projeta que Covid-19 Custará US$2,1 Tri aos Bancos do Mundo

Para este ano, a expectativa de impacto é de 1,3 trilhão de dólares, mais que o dobro do nível de 2019.

Por
Atualizado em 09/07/2020
Avalie esse texto

Bancos globais podem registrar perdas combinadas de 2,1 trilhões de dólares em empréstimos até o final de 2021, como resultado das medidas de isolamento contra o coronavírus, afirmou a agência de classificação de risco S&P Global. Para este ano, a expectativa de impacto é de 1,3 trilhão de dólares, mais que o dobro do nível de 2019.

Cerca de 60% das perdas são esperadas na região Ásia-Pacífico, afirmou a S&P nesta quinta-feira, ainda que o maiores aumentos relativos acontecerão na América do Norte e Europa Ocidental .

Onde Investir na Atual Crise Econômica? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Ações para Lucrar na Crise”.

“Estimamos que os 200 maiores bancos do mundo representem dois terços dos empréstimos feitos no mundo”, afirmaram analistas da agência de classificação de risco.

“Para 2020, estimamos que as perdas com crédito destes bancos absorvam cerca de 75% do lucro antes de provisões. Segundo nosso cenário base, este índice vai melhorar para cerca de 40% em 2021.”

A região Ásia-Pacífico deve responder por 1,2 trilhão de dólares das perdas em 2021, dos quais três quartos devem ocorrer na China.

A América do Norte deve registrar 366 bilhões de dólares em perdas, seguida por Europa Ocidental, com 228 bilhões de dólares; Leste Europeu, Oriente Médio e África, com 142 bilhões de dólares; e 131 bilhões de dólares na América Latina.

No Brasil, na última quarta-feira (09), o Banco do Brasil anunciou que já tinham sido esgotados os recursos disponibilizados para micro e pequenas empresas no valor de R$ 3,7 bilhões. Além do BB, o governo federal liberou socorro para a economia através de outras instituições.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Reuters.

Avalie esse texto

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais