O banco espanhol Santander (SANB11) e a italiana Enel anunciaram nesta quarta-feira, 9, o primeiro acordo global para apoiar clientes ao redor do mundo na transição para energia limpa.

A partir da assinatura de um memorando de entendimento (MoU, na sigla em inglês), os grupos europeus se comprometeram a fornecer e financiar soluções de eficiência energética a clientes ao redor do mundo.

Não foram divulgados valores do acorro.

A Enel, por meio da sua linha de negócios de serviços avançados em energia, fornecerá soluções customizadas enquanto o Santander vai responder pela concessão de financiamentos.

Juntos, o objetivo, conforme comunicado divulgado a partir da Espanha, no período da manhã desta quarta-feira, é ajudar a acelerar a transição energética dos clientes para modelos mais sustentáveis, com a otimização do consumo de energia.

A sociedade com o Santander, na visão da Enel, é mais um passo para a conquista de uma sociedade "net zero", ou seja, zerando as emissões líquidas de gases de efeito estufa.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

 "A sustentabilidade como uma escolha de negócios só pode ser buscada por meio da inovação, que está no centro deste acordo", disse o diretor financeiro (CFO) do Grupo Enel, LAlberto De Paoli.

"Como pioneiros no financiamento de energia renovável, o Santander está comprometido em acelerar essa transformação", acrescentou o vice-presidente executivo sênior do Banco Santander e chefe global de Corporate & Investment Banking, José M Linares, em comunicado à imprensa.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

O anúncio vem um dia após o Santander na Espanha ter anunciado a aquisição de 80% da Brasileira WayCarbon, consultoria líder em ESG, sigla em inglês, para práticas ambientais, sociais e de governança corporativa.

Aqui, também, o objetivo é suportar clientes no mundo para estratégias de negócios mais sustentáveis.

Resultado do Santander no Quarto Trimestre de 2021

resultado do Santander (SANB11) no quarto trimestre de 2021 (4t21), divulgado no dia 02 de fevereiro, registrou lucro líquido de R$ 3,9 bilhões no 4T21, apresentando retração de -1,9% na comparação com o mesmo período de 2021.

A margem financeira bruta do Santander totalizou R$ 14,1 bilhões no 4T21, apresentando crescimento de 14,1% na comparação com o 4T20.

Índice de Basiléia do Santander em dezembro de 2021, totalizou 14,9%, apresentando crescimento de 0,6 ponto percentual na comparação com setembro de 2021.

As ações do Santander (SANB11) acumulam alta de 5,49% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 6,02% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.