A Sanepar (SAPR11) realiza a 12ª emissão de debêntures (títulos de dívidas que podem ser comprados por investidores que desejam receber juros) no valor de R$ 600 milhões.

Serão emitidas 300 mil debêntures na primeira série e outras 300 mil em outras duas, em quantidade a ser definida.

A data da emissão dos títulos é 15 de janeiro, com as da primeira série vencendo em cinco anos, portanto, em 15 de janeiro de 2027.

As da segunda série estão previstas para nove anos e as da terceira, dez anos.

Melhores Oportunidades do Mercado Financeiro? Veja as 3 Ações com Maior Potencial de Valorização Hoje.

Os recursos serão destinados para a complementação do plano de investimentos no caso da primeira série, e no caso das demais debêntures, para projetos.

As debêntures são investimentos não contam com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito, que protege aplicações com valor máximo de R$ 250 mil por CPF e por instituição financeira.

Melhores Oportunidades do Mercado Financeiro? Veja as 3 Ações com Maior Potencial de Valorização Hoje.

Resultado da Sanepar no Terceiro Trimestre de 2021

O resultado da Sanepar (SAPR11) no terceiro trimestre de 2021 (3t21), divulgado no dia 11 novembro, apresentou lucro líquido de R$ 267,3 milhões no 3T21, uma alta de 62,4% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da Sanepar atingiu R$ 592,1 milhões no 3T21, apresentando crescimento de 51,0% na comparação com o 3T20.

A margem Ebitda da Sanepar totalizou 44,8% no 3T21, apresentando crescimento de 11,2 pontos percentuais na comparação com o 3T20.

A margem líquida da Sanepar atingiu 20,2% no 3T21, apresentando crescimento de 6,1 pontos percentuais na comparação com o 3T20.

As ações da Sanepar (SAPR11) acumulam alta de 3,39% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 19,45% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.