Reservas Provadas da Petrobras (PETR4) Caem 8% em 2020
| , ,

Reservas Provadas da Petrobras (PETR4) Caem 8% em 2020

A companhia frisou que o impacto da venda de ativos, de 117 milhões de boe, não foi relevante no valor total das reservas.

Por
Atualizado em 27/01/2021

A Petrobras (PETR4) concluiu 2020 com reservas provadas de óleo, condensado e gás natural de 8,816 bilhões de barris de óleo equivalente (boe), segundo critérios da SEC (US Securities and Exchange Commission), uma queda de cerca de 8% ante o ano anterior, informou a petroleira nesta terça-feira.

Em 2020, foram incorporadas novas reservas em função da aprovação de projetos e do bom desempenho dos reservatórios, com destaque para o pré-sal da Bacia de Santos, resultando em uma apropriação equivalente a 101% da produção do ano, afirmou a companhia.

Banner will be placed here

Esse efeito, no entanto, foi amortecido pelo impacto negativo derivado da redução de 32% do preço do petróleo no ano passado, que é projetado como preço futuro, conforme critérios da SEC.

“Considerando o balanço entre a reposição positiva e o impacto negativo, e desconsiderando o efeito dos ativos vendidos em 2020, a reposição de reservas ficou em 29% da produção desse ano”, disse a Petrobras em comunicado ao mercado.

A companhia frisou que o impacto da venda de ativos, de 117 milhões de boe, não foi relevante no valor total das reservas.

Como ser Sócio dos Melhores Negócios? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Empresas para Investir”.

Resultado da Petrobras no Terceiro Trimestre de 2020

O resultado da Petrobras (PETR4) no terceiro trimestre de 2020 (3t20), divulgado no dia 28 de outubro, apresentou um prejuízo líquido de R$ 1,5 bilhão, contra um lucro de R$ 9,0 bilhões em relação ao mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da Petrobras atingiu R$ 33,5 bilhões no 3t20, apresentando crescimento de 14,4% na comparação com o 3t19.

A margem Ebitda da Petrobras totalizou 47,4% no 3t20, apresentando crescimento de 9,4 pontos percentuais na comparação com o 3t19. 

A Margem líquida da Petrobras atingiu -2,2% no 3t20, apresentando retração de -14,0 pontos percentuais na comparação com o 3t19.

As ações da Petrobras (PETR4) acumulam queda de 5,89% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 3,67% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Reuters.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE