RBRD11: Fundo RB Capital Renda II Vale a Pena?
| ,

RBRD11: Fundo RB Capital Renda II Vale a Pena?

Confira a análise do fundo imobiliário Fundo RB Capital Renda II (RBRD11) e descubra se Vale a Pena.

Por
Atualizado em 23/10/2019
Avalie esse texto

Conhecer os melhores fundos imobiliários é essencial para quem deseja fazer o patrimônio crescer e gerar renda mensal isenta de impostos.

Fundos de investimento imobiliário (FII) como o RBRD11 trazem a segurança de investir em imóveis associada à rentabilidade superior à renda fixa.

O ativo é uma das opções de fundos de investimento em tijolo. Seu foco é a compra de imóveis físicos, lucrando com sua valorização e com a renda de aluguéis.

Se você deseja aumentar seu patrimônio para a aposentadoria enquanto recebe renda mensal isenta de tributação, deve conhecer mais sobre o RBRD11.

O setor imobiliário é um ativo imperecível, sempre aumentando de valor. É a segurança mais sólida que a ingenuidade humana criou. Russel Sage, investidor, político e executivo ferroviário americano

E então? Você está pronto para conhecer tudo sobre o RBRD11 e descobrir se esse fundo imobiliário é o ideal para acelerar sua independência financeira?

Você vai entender tudo o que precisa sobre o RBRD11 ainda hoje:

  • O que é RBRD11;
  • Os dividendos do RBRD11;
  • Resumo da carteira do RBRD11;
  • Quantidade e localização dos ativos que compõem o fundo;
  • Negociação e liquidez do RBRD11;
  • Riscos do RBRD11;
  • Dados oficiais sobre o fundo. 

Leia até o final entenda tudo sobre o RBRD11 para que invista de maneira consciente e atinja a independência financeira de maneira mais rápida e eficiente! 

O que é RBRD11?

A sigla RBRD11 é utilizada para o RB Capital Renda II Fundo de Investimento Imobiliário, administrado pela Votorantim Asset DTVM Ltda, de São Paulo, SP.

O RBRD11 tem foco em empreendimento imobiliário para locação

Isso o torna um fundo de tijolo, que investe em imóveis físicos, e ganha sobre sua valorização e aluguéis. 

O RB Capital Renda II teve seu início em novembro de 2010.

A primeira emissão de cotas foi de R$ 137 milhões, divididos em 1.848.383 cotas.

Em seu portfólio existem propriedades comerciais, empresariais e de logística em 3 estados. Os imóveis estão locados para empresas nacionais e multinacionais. 

Em 31 de agosto de 2019, seu patrimônio era superior a R$ 146,1 milhões. 

Banner will be placed here

RBRD11: Dividendos

O RBRD11 registrou um retorno de 8,33% nos últimos 12 meses. Isso significa R$ 8,99 de ganhos por cota.

O último mês marcou dividendos de R$ 0,51 por cota, representando uma elevação de 0,50% sobre seu valor.

A imagem mostra o histórico dos rendimentos mensais do RBRD11

Histórico dos rendimentos do fundo RBRD11
Histórico dos rendimentos do fundo RBRD11

Desde a oferta inicial, a valorização foi 59,98%, com ganhos de R$ 64,73 por cota.  

Resumo da Carteira do RBRD11 

Com foco em empreendimentos comerciais para locação, a carteira do RBRD11 é composta por 4 ativos, dispostos em 3 estados do país. 

Seus locadores são empresas nacionais e multinacionais: Ampla, Ambev e Lojas Leader

A maior parte de seus aluguéis (60%) é derivada dos contratos com as Lojas Leader, tradicional loja de departamentos carioca fundada em 1951. 

A ampla representa 30% de seus rendimentos, enquanto a Ambev aporta 10%. 

O fundo busca contratos atípicos, de longa duração, e especialmente a modalidade built-to-suit (contratos de longo prazo sobre imóveis construídos para atender as necessidades do locador).

Quantidade e Localização dos Ativos

O portfolio do fundo imobiliário RBRD11 conta com 4 imóveis, localizados em 3 diferentes estados: RN, MG e RJ. 

LOJAS LEADER

Endereço: Rua João Pessoa,86

Cidade: Natal, RN

Área Bruta Locável: 3.683,00 m2

CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO AMBEV

Endereço: Rodovia 497, KM 2, Anel Viário Ayrton Senna, s/n

Cidade: Uberlândia, MG

Área Bruta Locável: 6.884,00 m2

AMPLA (IMÓVEL CORPORATIVO)

Endereço: Rua Dr. Nilo Peçanha, 546

Cidade: São Gonçalo, RJ

Área Bruta Locável: 12.420,00 m2

LOJAS LEADER

Endereço: Rua do Catete, 194 E/196

Cidade: Rio de Janeiro, RJ

Área Bruta Locável: 3.845,00 m2 

Quantidade e área dos ativos do RBRD11
Quantidade e área dos ativos do RBRD11

Negociação e Liquidez RBRD11

No mês de agosto de 2019 se registraram 1430 negociações. Isso totaliza um volume de R$ 43,93 mil.

Desde o início do fundo, a média diária de preços foi de R$ 73,73, enquanto o volume médio diário registrado alcançou R$ 63,4 mil. 

gráfico do histórico de negociação do fundo
Histórico de negociação do fundo

Riscos do RBRD11

O fundo imobiliário RBRD11, como qualquer investimento, oferece alguns riscos para quem aplica. Vejamos quais são os principais. 

Vacância

Risco de vacância é a possibilidade de que o imóvel deixe de render aluguéis por desocupação.

Quando isso acontece, o fundo imobiliário deve arcar com os custos de manutenção do imóvel nesse período: IPTU, condomínio e outros.

Esse risco existe no RBRD11, embora seja diminuído pela alocação de ativos centrada em imóveis comerciais e contratos de locação de longo prazo. 

Prazo do Contrato

O risco relacionado ao prazo do contrato é também relacionado à vacância:

Cabe a possibilidade de desocupação em seu término.        

No RBRD11, nenhum de seus contratos vencem antes de 4 anos. O mais longo vence daqui a 6 anos.

Risco do Inquilino

Riscos relacionados ao inquilino são sempre presentes, mesmo com o risco reduzido em um fundo de investimento imobiliário

Esse risco fala de inadimplência, custos e burocracia caso seja necessário acionar uma ordem jurídica de despejo e tudo o que se relaciona à tal situação..

No RBRD11 se busca minimizar esse risco através da locação à empresas nacionais e multinacionais sólidas. 

Ainda assim, cabe comentar que seu maior locatário (Lojas Leader) enfrenta dificuldades financeiras anteriores a 2016 e teve um acordo de recuperação judicial homologado em junho de 2018

Dados do RBRD11

Agora que você já sabe tudo sobre as características do RBRD11, conheça seus dados oficiais. 

  • Razão Social: RB Capital Renda II FDO INV IMOB FII
  • CNPJ: 09006914/0001-34
  • Gestor: RB Capital Asset Management Ltda.
  • Público Alvo:  Investidores em geral
  • Segmento: Imóveis não residenciais
  • Patrimônio Total  (08/2019): R$ 146.160.883,00
  • Taxa de Administração: 0,17% a.a. (ao ano)
  • Taxa de Performance: Não há
  • Taxa de Consultoria: 0,10% a.a (ao ano)
  • Início do Fundo: novembro de 2010
  • Número de Cotistas (08/2019): 5.358
  • Número de Cotas do RBRD11:  1.851.786
  • Regulamento: Ver regulamento do RBRD11
  • Relatório Gerencial: Ver relatório do RBRD11
  • RBRD11 Site Oficial (RI): https://www.vam.com.br/web/site/hs/FII/rbcapital/pt/index.html 

Dúvidas sobre RBRD11

Selecionei algumas das dúvidas mais comuns sobre o fundo imobiliário RBRD11 e as respondo de maneira direta agora. 

Como comprar RBRD11?

As cotas do RBRD11 são comercializadas através da Bolsa de Valores.

Para adquiri-las, você deve abrir conta em uma corretora de valores e seguir o passo a passo: 

  • Transfira o montante a investir para sua conta na corretora;
  • Acesse o Home Broker;
  • Procure o fundo imobiliário através de seu código (RBRD11);
  • Selecione a quantidade de cotas a adquirir e seu valor;
  • Envie a ordem de compra. 

Onde achar o informe de rendimentos do RBRD11?

O informe de rendimentos do RBRD11 está disponíveis na página oficial do fundo, na aba relatórios. 

Onde achar o relatório gerencial do RBRD11?

Assim como o informe de rendimentos, o relatório gerencial é disponibilizado na página do FII, na aba relatórios.

O relatório é disponibilizado do mesmo modo pela BM&FBovespa, na página dedicada ao fundo. Acesse a aba “Relatórios Financeiros

RBRD11 é um Bom Investimento?

Para quem busca uma maneira de ampliar seu patrimônio e deseja receber renda mensal isenta de tributação, os fundos de investimento imobiliário são grande opção.

O RBRD11 é um fundo do tipo tijolo, onde os recursos são direcionados para a aquisição de imóveis físicos e sua locação.

Sua carteira é composta por imóveis comerciais localizados em 3 estados, locados para grandes empresas nacionais e multinacionais.

Em agosto de 2019, conta com patrimônio superior a R$ 146 milhões.

O fundo é interessante para compor o seu portfólio de FIIs.

Contudo, dado a qualidade dos seus imóveis e suas especificidades, o ideal é que ele represente uma parte pequena da sua carteira para colaborar em sua adequada diversificação.

Você já investe em fundos imobiliários? Se não, o que falta para começar?

Conte-me nos comentários. Quem sabe eu possa ajudar! 

Quer Investir nos Melhores Fundos Imobiliários? Baixe Grátis o Relatório “3 Melhores FIIs para Receber Aluguéis”

Avalie esse texto

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais