Flavio Augusto sabe o que fazer para a “Geração de Valor”. Seu nome carrega grandes histórias de sucesso de marcas construídas do zero.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

De uma família de classe média baixa do Rio de Janeiro, sem curso superior, nos últimos 30 anos, Flávio Augusto fez fortuna e se tornou um empresário de renome do país.

Deve isso ao empreendedorismo, visão de longo prazo e investimentos bem sucedidos.

Aos 23 anos de idade, Flávio Augusto percebeu um espaço vazio no mercado, pegou um empréstimo e abriu sua própria escola de inglês, a Wise Up.

Em pouco tempo, se tornou uma das maiores redes de escolas de línguas do país e foi vendida para o grupo Abril.

Como uma reviravolta, recomprou a empresa por menos da metade do preço. 

Em 2013, Flávio Augusto ganhou os noticiários ao comprar o clube de futebol estadunidense Orlando City e também lucrou na venda.

Atualmente, está à frente da Wiser Educação, detentora de várias marcas de ensino.

Conheça mais da história do bilionário Flávio Augusto e inspire-se para transformar sua vida por meio dos investimentos e empreendedorismo.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Quem é Flávio Augusto?

Flavio Augusto é um empresário, fundador da empresa Wise Up e presidente da Wiser Educação, holding brasileira com 400 mil alunos.

A Wiser reúne marcas como Wise Up, Wise Up Online, Number One, meuSucesso.com, entre outras edtechs (startups de educação).

Flávio também é conhecido por ser o ex-proprietário do time de futebol estadunidense Orlando City Soccer Club e por seus livros e cursos "Geração de Valor".

Vida e carreira

Flávio Augusto da Silva nasceu no dia 7 de fevereiro de 1972, na cidade do Rio de Janeiro, no Brasil. 

Nascido e criado no no bairro do Jabour, subúrbio do Rio de Janeiro, estudou grande parte do tempo em escolas da rede pública.

Aos 19 anos, começou a trabalhar vendendo cursos de inglês.

Em quatro anos no negócio, se tornou gerente de vendas e trancou a faculdade no curso de Ciências da Computação na Universidade Federal Fluminense (UFF) para se dedicar 100% à sua carreira. 

Nesse período percebeu uma carência no setor de ensino de línguas no país e teve a ideia de abrir seu próprio negócio.

Com 23 anos de idade, Flávio pegou um empréstimo de R$ 20 mil reais de seu cheque especial a um custo de 12% de juros ao mês e fundou a WiseUp, em 1994.

O grande diferencial da empresa era a escolha de seu público alvo, os adultos, especialmente empresários que buscavam aprender o inglês de forma rápida e eficiente.

O investimento deu certo, não antes de passar um revés em 1999, quando o encerramento de um setor de vendas da Wise UP o levou ao endividamento de aproximadamente US$ 3 milhões.

Flávio não se deu por vencido. Reconheceu o e vendeu o carro para retomar as rédeas do negócio.

Depois não parou mais de crescer.

Em 2013, vendeu a Wise Up para a Abril Ensinos por R$ 877 milhões. 

Em 2015, recomprou a empresa por R$ 398 milhões.

Dois anos mais tarde, em 2017, fez parceria com Carlos Wizard e a Kinea para a aquisição de escolas de inglês ao grupo Wiser Educação. 

A Wiser é detentora de várias marcas de ensino direcionadas ao desenvolvimento de empreendedorismo e empregabilidade.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Como Flávio Augusto ficou rico

Flávio Augusto ficou rico ao fundar a Wise Up. 

Diferente das escolas de inglês tradicionais que eram todas focadas no público infantojuvenil, a Wise Up se voltou para os adultos.

Em pouco tempo, ele já tinha 24 escolas próprias, mas logo concluiu que a melhor estratégia para seu negócio era tornar a Wise Up um modelo de franquia. 

A rede então se espalhou por todo o Brasil. 

Em 2013, quando a escola já contava com 393 filiais, Flávio vendeu a Wise Up para a Abril Educação, em uma transação de R$ 877 milhões. 

Dois anos mais tarde, ele teve a oportunidade de recomprá-la por menos da metade do preço.

A partir de então, iniciou o processo de reestruturação da marca. 

Como a Wiser, uma holding de educação, o grupo passou a fazer uma série de aquisições na área.

O empresário prefere não revelar cifras de investimentos, mas o plano é chegar à geração de valor de R$ 1 bilhão com a Wiser. 

Durante a pandemia, a Wiser multiplicou o número de estudantes por seis, foi de 65 mil para 400 mil alunos em 2022. 

A expectativa é fechar o ano com faturamento de 500 milhões de reais, mais que o dobro do registrado em 2019.

Onde Flávio Augusto investe

Flávio Augusto dedica grande parte de seus investimentos na área da educação e passou a voltar sua atenção para o digital antes mesmo da pandemia do coronavírus fechar as centenas de unidades presenciais.

A Wise Up começou a investir no digital em 2018 e lançou seus primeiros cursos online em 2019. 

A agilidade na tomada de decisão e o olhar atento às tendências do mercado foi o grande secredo para o sucesso dos últimos anos.

Ao observar o quadro da covid-19 nos países asiáticos e europeus o empresário foi rápido ao mudar para o digital, pois tinha o modelo pronto.

Todos os franqueados foram incentivados a aderir ao online e isso foi positivo.

A Wise Up cresceu sua receita durante a pandemia.

Nos últimos meses a Wiser Educação está investindo em aquisições. 

Investiu na Conquer, uma “escola de negócios para a nova economia”, na AprovaTotal, uma plataforma de preparação para o vestibular, a EuMilitar, startup de preparação para concursos militares , outra de cursos de vendas (Vende-C), e uma focada em livros (a BuQme).

Embora Flávio Augusto não fale o valor das aquisições, os alvos são empresas com modelo de negócio já validado, que geram caixa e têm EBITDA entre R$ 5 milhões e R$ 20 milhões.

Mesmo com sua especialidade em investimento na área de idiomas, Flávio Augusto investe também em outros setores. 

Em 2013 ele comprou os direitos de vaga na MSL, a liga de futebol profissional nos Estados Unidos, por US$ 200 milhões.

Seu ex-timo, Orlando City, foi campeão da USL já no começo e atraiu a atenção ao trazer o jogador brasileiro Kaká para a equipe.

Livros de Flávio Augusto

Flávio Augusto é autor da trilogia “Geração de Valor”, que leva o mesmo nome de suas redes sociais.

Os livros falam sobre negócios e assuntos da vida de maneira geral, com objetivo de ensinar e inspirar as pessoas.

Outro livro de sucesso é "Ponto de inflexão".

Lançado em 2019, o livro mostra a importância de fazer boas escolhas e como as decisões podem impactar nossas vidas.