O que é Preferência pela liquidez

Preferência pela liquidez é uma demanda por dinheiro ou por um valor que pode ser facilmente convertido em dinheiro.

Como Saber a Hora de Entrar e Sair dos Investimentos? GI Wealth faz Gestão para Investimentos Superior a R$ 300 mil.

O intuito da Preferência pela liquidez é optar por ativos e títulos que sejam mais líquidos, ao invés de consumir ou poupar valores que tenham uma menor liquidez.

Preferência pela liquidez envolve a moeda corrente, posse de títulos ou os valores com facilidade de conversão para dinheiro.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Características de Preferência pela liquidez 

Preferência pela liquidez é uma terminologia definida pelo economista John Maynard Keynes, importante nome da macroeconomia, influenciado pelas duas funções básicas da demanda monetária: meio de troca e reserva de valor.

Segundo ele, o dinheiro - o papel-moeda em si - não garante segurança contra possíveis desvalorizações ou aumento de inflação (IPCA).

Sendo assim, na Preferência pela liquidez, as reservas monetárias são feitas com a concentração de ouro, pedras, além de outros valores que são facilmente conversíveis em dinheiro.

Através dessas duas funções, Keynes usou-as como ponto de partida para desenvolver o conceito de Preferência pela liquidez, baseando-se em três principais motivos:

  • Meio de compra ou transação;
  • Especulação;
  • Precaução.

Motivos de Preferência pela Liquidez

Em relação à primeira demanda pela liquidez, temos o meio de compra ou motivo de transação, que é o direito de Preferência pela liquidez que qualquer pessoa física tem.

Dessa forma, a possibilidade que a Preferência pela liquidez gera é deixar disponível um montante em caixa que seja suficiente para atender às demandas básicas do cotidiano.

Outra demanda pela liquidez é o motivo de preocupação. Isso ocorre quando uma pessoa física tem a demanda por uma liquidez adicional em função de fatos ocorridos fora do previsto.

Assim, ela terá um gasto relativamente grande e precisará usar parte do dinheiro que aplicara. Pode ocorrer em relação a algo inesperado na saúde ou nos bens móveis, por exemplo.

O último dos três motivos é o especulativo. A demanda pela liquidez ocorre em um cenário em que as taxas básicas de juros (Selic) estão baixas, mas a demanda por dinheiro é alta.

Os ativos dos investidores interessados podem ser mantidos, até que as taxas de juros aumentem, visando um maior lucro de rentabilidade sobre os investimentos.

O motivo especulativo se relaciona com a cautela do investidor em relação a não movimentar seus ativos, com intuito de esperar a longo prazo, pois podem gerar uma melhor rentabilidade.

Assim, é possível que o investidor opte por um Prêmio de Risco, que visa um maior lucro devido a longo prazo.

Keyner determina que, através da Preferência pela liquidez, os rendimentos a curto prazo tendem a ser menores do que os de longo prazo

Então, o retorno costuma ser maior para aqueles que optarem por investir em ativos com prazos maiores do que um ano.

Ainda, na Preferência pela liquidez, a moeda corrente de determinada economia não deve ser considerada como um mero meio de troca entre investidores e demais agentes econômicos.

Também deve considerá-la como uma reserva de valor. Dessa forma, é preciso analisar sua capacidade de conduzir e representar riqueza a longo prazo.

Assim, a Preferência pela liquidez demonstra que, se a moeda tem uma capacidade de liquidez, ela traz uma segurança e confiabilidade maior diante de cenários instáveis.

Ou seja, o mercado, de um modo geral, tende a valorizar ativos com maior liquidez, pois são mais seguros em um ambiente de incerteza econômica.

Além disso, considerando-se as taxas de juros, Keynes relaciona o fato de que, quanto maior são as taxas de juros em relação a um ativo, menor é sua liquidez.

Assim, é importante considerar a liquidez na Preferência pela liquidez, pois influenciará no tipo de investimento escolhido, considerando o cenário econômico e a facilidade da conversão do ativo em moeda.