O que é PIB per capita

PIB per capita é um indicador econômico que relaciona o PIB total de determinado local (normalmente um país, estado ou cidade) e sua população. O indicador pode ser calculado trimestralmente ou anualmente.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Esse indicador é amplamente utilizado por economistas e outros profissionais a fim de analisar a prosperidade de um local baseando-se em seu crescimento econômico.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

PIB per capita e Renda per capita

O PIB per capita é apenas uma das diversas maneiras utilizadas para averiguar a riqueza e prosperidade de um país, mas, de modo geral, por relacionar componentes universais e comumente medidos, o PIB per capita é o indicador mais comum.

Outro indicador que analisa a prosperidade é o de Renda per capita, mas este não deve ser confundido com PIB per capita. 

Enquanto a Renda per capita utiliza como base de cálculo o PNB (Produto Nacional Bruto), o PIB per capita utiliza o próprio PIB como base de cálculo, o que resulta em diferentes números para um mesmo país e população.

O cálculo do PIB per capita 

Dentro do cálculo do PIB, realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), soma-se:

  • Consumo ou gasto das famílias;
  • Gastos do Governo (gasto público para a manutenção da máquina estatal);
  • Investimentos de empresas privadas;
  • Exportações líquidas ou saldo da Balança Comercial (diferença entre Exportações e Importações).

De forma geral, são contabilizados todos os produtos e serviços produzidos por uma nação, ou seja, a produção do setor de bens de consumo (os produtos e serviços que chegam diretamente ao consumidor final) e remunerações (como juros, salários, dividendos, aluguéis).

Não entram no cálculo do PIB o trabalho informal, o setor de bens de capital e de produção (bens intermediários), além de produtos ilegais.

Já a população é a somatória dos habitantes do local analisado, no Brasil, é realizado pelo Censo, conduzido também pelo IBGE.

Dessa forma, coletados esses dados, o PIB é dividido pelo total da população, resultando no PIB per capita.

Interpretação do PIB per capita

A interpretação mais básica do PIB per capita é a contribuição econômica trimestral ou anual de cada cidadão de determinado local. 

Pode ser considerado também uma medida de riqueza nacional (uma vez que o PIB per capita pode ser entendido também como medida de prosperidade) e uma medida de produtividade econômica, sendo possível comparar a produtividade desse local com a de outros.

A interpretação do PIB per capita geralmente costuma ser feita junto ao PIB a fim de analisar fatores que contribuem para o resultado obtido e como afetam o crescimento do PIB per capita.

Apesar de ser um indicador econômico bastante utilizado, o PIB per capita ainda possui suas limitações ao desconsiderar, por exemplo, a desigualdade social e a distribuição de renda. 

Um país pode ter o PIB per capita alto, supostamente indicando um país desenvolvido. Contudo, a realidade pode ser a de um país com alta desigualdade social, passando a falsa impressão de riqueza de toda a população.

Outras análises do PIB per capita 

Como explicado anteriormente, apesar das limitações e distorções que o cálculo do PIB per capita pode oferecer na leitura da economia de um local, outras análises podem ser feitas de maneira adequada.

Se a população de um país permanecer estável e seu PIB per capita crescer, podem existir indícios de progresso tecnológico e consequente aumento da produtividade

Em países de alto PIB per capita e população pequena, deduz-se uma economia auto suficiente e com acesso a abundantes recursos naturais.

Um país pode ter um crescimento econômico consistente, mas, se a população está em ritmo de crescimento maior que o próprio PIB, o resultado é um PIB per capita negativo

Nesse caso, o PIB per capita negativo pode não apresentar risco para economias estabilizadas, onde o crescimento econômico poderá alcançar e ultrapassar o crescimento populacional.

No entanto, em países com PIB per capita já baixo e com população crescente, sua diminuição pode deteriorar o padrão de vida.