A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a aquisição, pela PetroRio (PRIO3), por meio de sua subsidiária PetroRio Jaguar, da totalidade da participação detida pela Petrobras em contrato de concessão do Campo de Albacora Leste, localizado predominantemente em águas profundas na Bacia de Campos.

Como Saber a Hora de Entrar e Sair dos Investimentos? GI Wealth faz Gestão para Investimentos Superior a R$ 300 mil.

O despacho com a aprovação, que se deu sem restrições, está publicado no Diário Oficial da União (DOU). A participação da Petrobras (PETR4) no contrato corresponde a 90% do total. Os 10% restantes pertencem à Repsol Sinopec Brasil.

Com o acordo, a PetroRio, por meio da PetroRio Jaguar, deterá 90% de participação e será operadora da concessão de Albacora Leste. A participação da Repsol não será afetada pela operação.

Quando do anúncio do negócio em abril deste ano, a Petrobras informou que o valor total da venda é de até US$ 2,2 bilhões, dos quais US$ 292,7 milhões pagos na ocasião; US$ 1,66 bilhão no fechamento da transação e até US$ 250 milhões em pagamentos contingentes, a depender das cotações futuras do petróleo Brent.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

A empresa também reiterou que os valores não consideravam os ajustes a serem eventualmente feitos até o fechamento da transação, que estão sujeitos ao cumprimento de certas condições precedentes.

"Como justificativa para realização da operação, as requerentes explicam que, para o Grupo PetroRio, a operação está alinhada com seu modelo de negócios e estratégia de geração de valor."

"Já para a Petrobras, a operação faz parte do Programa de Parcerias e Desinvestimentos da Petrobras, estando alinhada ao Plano Estratégico 2022-2026, que prevê a otimização do portfólio da companhia", cita parecer sobre o negócio publicado pelo Cade.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da Petrobras no Primeiro Trimestre de 2022  

Os resultados da Petrobras (PETR4) referente a suas operações do 1T22, foram divulgados no dia 8 de Maio, apresentou um lucro líquido de R$ 44,8 bilhões no 1T22, alta de 3.409,6% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Ebitda ajustado da Petrobras atingiu R$ 77,7 bilhões no 1T22, apresentando crescimento de 58,8% na comparação com o 1T21.

margem líquida da Petrobras atingiu 31,6% no 1T22, apresentando crescimento de 30,1 pontos percentuais na comparação com o 1T21.

A ações da Petrobras (PETR4) acumulam queda de 7,86% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 39,62% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.