Depois de ter visto sua proposta de reajuste salarial de 5% ser rejeitada pelos petroleiros, a Petrobras (PETR4) concordou em reabrir uma nova rodada de negociações sobre o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) com a Federação Única dos Petroleiros (FUP).

A reunião será nesta terça-feira, 19, no início da tarde, informou a FUP.

A reunião será presencial e com participação da Transpetro, da Petrobras Biocombustível (Pbio), Transportadora Brasileira Gasoduto Bolívia Brasil (TBG) e da Termobahia, informou a FUP em nota.

Em documento enviado à Petrobras na semana passada, a FUP cobrou "uma proposta digna de Acordo Coletivo, que atenda às principais reivindicações da categoria".

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

A primeira contraproposta apresentada pela empresa foi rejeitada pelas assembleias realizadas em todo País, como antecipou o Estadão/Broadcast no dia 8 de julho.

Os petroleiros reivindicam reposição da inflação entre setembro de 2021 e agosto de 2022, algo em torno dos 10%, além de reposição salarial das perdas dos últimos seis anos entre 2016 a 2021, equivalente a reajuste de 3,8%.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da Petrobras no Primeiro Trimestre de 2022  

Os resultados da Petrobras (PETR4) referente a suas operações do 1T22, foram divulgados no dia 8 de Maio, apresentou um lucro líquido de R$ 44,8 bilhões no 1T22, alta de 3.409,6% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Ebitda ajustado da Petrobras atingiu R$ 77,7 bilhões no 1T22, apresentando crescimento de 58,8% na comparação com o 1T21.

margem líquida da Petrobras atingiu 31,6% no 1T22, apresentando crescimento de 30,1 pontos percentuais na comparação com o 1T21.

Fonte: Estadão Conteúdo.