Petrobras Conclui Venda de Fatia na GásLocal para White Martins
| , ,

Petrobras Conclui Venda de Fatia na GásLocal para White Martins

A Petrobras (PETR4) concluiu hoje (24) a venda da sua participação de 40% na empresa GásLocal para a White Martins.

Por
Atualizado em 24/09/2021

A Petrobras (PETR4) concluiu hoje a venda da sua participação de 40% na empresa GásLocal para a White Martins, encerrando controvérsias decorrentes das atividades do Consórcio Gemini e da GásLocal, em especial pendências de arbitragem e temas em discussão judicial.

O acordo também prevê ajustes nas condições comerciais para o fornecimento de gás, pela Petrobras, na qualidade de consorciada do Consórcio Gemini, formado entre Petrobras, White Martins e a GásLocal, até o final de 2023, atendendo à decisão do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Banner will be placed here

A venda foi fechada pelo valor estimado de R$ 60,6 milhões, sendo R$ 56 milhões pagos nesta sexta-feira, 24, e R$ 4,6 milhões a serem pagos no prazo de até 13 meses a contar da data do fechamento do acordo, sujeitos a correções previstas.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da Petrobras no Segundo Trimestre de 2021

O resultado da Petrobras (PETR4) no segundo trimestre de 2021 (2t21), divulgado no dia 04 de maio, apresentou lucro líquido de R$ 42,9 bilhão no 2T21, uma alta de 1.679,6% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda ajustado da Petrobras atingiu R$ 61,9 bilhões no 2T21, apresentando crescimento de 147,9% na comparação com o 2T20.

A margem Ebitda ajustada da Petrobras totalizou 55,9% no 2T21, apresentando crescimento de 6,9 pontos percentuais na comparação com o 2T20. 

A margem líquida da Petrobras atingiu 38,7% no 2T21, apresentando crescimento de 44,0 pontos percentuais na comparação com o 2T20.

As ações da Petrobras (PETR4) acumulam alta de 2,87% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 45,19% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Estadão Conteúdo.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE