A Oi (OIBR3), em recuperação judicial, informou em comunicado nesta quinta-feira, 15, que prorrogou para 29 de abril o prazo limite para a subscrição e integralização das debêntures convertidas em ações, conforme fato relevante divulgado em 18 de fevereiro.

O prazo anterior venceria hoje, dia 15. Em fevereiro, a companhia informou que a sua controlada indireta Brasil Telecom Comunicação Multimídia (BTCM) celebrou escritura de emissão de debêntures conversíveis em ações, da espécie com garantia real, para colocação privada, da 1ª emissão da BTCM, no valor total de até R$ 2,5 bilhões.

Resultado da Oi no Quarto Trimestre de 2020

O resultado da Oi (OIBR3) no quarto trimestre de 2020 (4t20), divulgado no dia 29 de março, apresentou um lucro líquido de R$ 1,79 bilhão, contra prejuízo de R$ 2,28 bilhões em relação ao mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da Oi atingiu R$ 1,7 bilhão no 4t20, apresentando crescimento de 28,4% na comparação com o 4t19.

A Margem Ebitda da Oi totalizou 34,9% no 4t20, apresentando crescimento de 8,5 pontos percentuais na comparação com o 4t19. 

A Margem líquida da Oi atingiu 37,6% no 4t20, apresentando crescimento de 84,0 pontos percentuais na comparação com o 4t19.

As ações da Oi (OIBR3) acumulam queda de 15,00% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 180,01% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.