O Que São Exchanges e as Principais Bolsas de Criptomoedas
|

O Que São Exchanges e as Principais Bolsas de Criptomoedas

Para investir diretamente em moedas digitais você pode abrir uma conta em uma exchange. Veja como essas corretoras de criptomoedas funcionam.

Por
Atualizado em 29/07/2021

Assim como as corretoras do mercado tradicional de investimentos, as exchanges de criptomoedas fazem a intermediação, facilitando a compra, venda e troca de ativos digitais.

Se você está procurando mais informações sobre os criptoativos, certamente já se deparou com a palavra “exchange”.

Mas, afinal o que é Exchange e como funciona?

Se no mercado financeiro tradicional temos a Bolsa de Valores, no mundo das criptomoedas também existem os locais responsáveis por negociar as moedas digitais.

As exchanges funcionam como uma espécie de junção de bolsa de criptomoedas e corretora, negociando Bitcoins e vários outros altcoins. 

Em janeiro de 2021 os volumes de negócios em grandes bolsas de criptomoedas atingiram um recorde diário de US$ 68,3 bilhões.

Existem diferentes plataformas que permitem a negociação de criptoativos de forma segura e online.

Continue a leitura e entenda o que são exchanges e as vantagens de fazer seus investimentos por meio delas.

O que são exchanges de criptomoedas?

Exchanges, também conhecidas como corretoras ou bolsas de criptomoedas, são plataformas digitais que facilitam as negociações de ativos digitais.

Elas fazem a intermediação das compras, vendas e trocas de moedas digitais e tokens ao conectar compradores e vendedores, tornando as transações mais práticas e seguras.

Nelas é possível negociar criptoativos por outros ativos, como fiduciárias (moedas nacionais) ou outras criptomoedas.

De forma semelhante às corretoras de valores tradicionais, as exchanges cobram taxas em troca deste serviço de intermediação e liquidação.

Quer Investir em Criptomoedas? Acesse aqui a Maior Corretora do Mundo.

Como funcionam as exchanges de criptomoedas?

A exchange é uma plataforma centralizada para a negociação de criptomoedas que oferece uma ambiente seguro para as operações.

Elas funcionam como bolsas de valores independentes, por isso também são chamadas de bolsas de criptomoedas. Sendo assim, é possível encontrar cotações diferentes entre plataformas concorrentes.

O livro de ofertas também difere em cada Exchange. Cada uma possui seus próprios clientes, taxas e prazos.

As exchanges também se assemelham às corretoras do mercado financeiro tradicional, uma vez que fazem a intermediação das negociações entre vendedores e compradores.

Para isso, podem ser cobradas taxas de corretagem, custódia, depósito e saque que variam de empresa para empresa.

A grande diferença com as corretoras tradicionais é que as exchanges de criptomoedas não são intermediários obrigatórios. Elas funcionam apenas como facilitadoras do processo.

Além disso, não precisam seguir nenhuma regulamentação específica para operar, porém, desde 2019 a Receita Federal passou a exigir uma declaração mensal dos investimentos de cada cliente.

A declaração dos investimentos em criptoativos no Imposto de Renda também se tornou obrigatória.

Outro serviço comum prestado pelas exchanges é o armazenamento de criptomoedas até o cliente transferi-lo para sua própria carteira virtual (wallet).

Banner will be placed here

Por que investir através de exchanges?

Mesmo que não seja obrigatório, investir através de uma Exchange de criptomoedas torna a transação mais segura e prática.

Diferente das negociações na Bolsa de Valores onde é necessário utilizar alguma corretora autorizada para comprar e vender ações, no mundo dos criptoativos não existe a exigência de um intermediário.

Todos os detentores de tokens e criptomoedas são livres para negociar entre eles. Essa venda direta entre usuários é chamada de P2P (peer-to-peer).

O problema dessa modalidade é a impossibilidade de saber a origem dos recursos que transitou na conta, especialmente quando se trata de moeda fiduciária.

Isso pode ser considerado como uma transação suspeita para alguns órgãos, como a Receita Federal.

Outro problema é a necessidade de confiança entre ambas as partes, pois não há garantia que você irá receber.

Para evitar estes riscos, surgiu a figura das exchanges. Essas empresas copiam o modelo das corretoras tradicionais, cobrando taxas em troca do serviço de intermediação e liquidação.

Ao intermediar as negociações entre compradores e vendedores, se assegura que cada parte receba o que foi negociado.

Vantagens das exchanges

A principal vantagem das exchanges de criptomoedas é que, por atuarem como intermediárias, elas oferecem segurança, rapidez e comodidade nas negociações.

As transações entre compradores e vendedores são anônimas, gerando ainda mais segurança.

As bolsas de criptomoedas, por oferecerem maior liquidez e diferentes altcoins, também exercem um papel muito importante para pessoas que escolhem fazer trade com os criptoativos.

Outro destaque é a função de armazenamento. Muitos usam a Exchange como uma carteira digital, o que facilita o gerenciamento das moedas virtuais. 

Desvantagens das exchanges

Uma das desvantagens das negociações através de exchanges são as taxas. Essas plataformas cobram pelo serviço de intermediação, o que acaba fazendo com que essa compra e venda seja mais cara.

Além disso, nem todas as corretoras possuem liquidez suficiente. Esse é um ponto importante a ser observado na hora de escolher uma corretora de criptomoeda.

Armazenar os ativos digitais em uma Exchange também pode oferecer mais risco, uma vez que elas são mais visadas para ataques hackers e roubo de criptomoedas.

Custos e taxas das corretoras de criptomoedas

Os custos e taxas para as negociações com bitcoin e outras criptomoedas variam de uma Exchange para outra.

Em geral, as principais taxas aplicadas são:

  • Taxa de depósito;
  • Taxa de saque;
  • Taxa de ordem executada;
  • Taxa de ordem executora.

Ordem executada ou passiva é a ordem de compra ou venda que fica no livro “aguardando” surgir um comprador ou vendedor disposto a fazer negócio no valor proposto.

Já a ordem executora ou ativa é aquela que, ao ser adicionada no livro, encontra uma ordem contrária, previamente colocada, de mesmo valor ou o mais próximo desse. Com isso, a transação é executada imediatamente.

Comparativo de taxas 

Veja a seguir algumas das taxas e valores cobrados pelas principais exchanges no Brasil:

CorretoraTaxa de depósitoTaxa de saque R$Taxa de Ordem ExecutadaTaxa de Ordem Executora
Binance0%0,5%0,1%0,1%
Bitcoin Trade0%R$ 4,900,25%0,50%
Coinext0%R$ 8,990,25%0,50%
Mercado Bitcoin0%R$ 2,90 + 1,99%0,30%0,70%
Ripio0%1%0%*0%*

* taxa zero em caráter promocional

Quer Investir em Criptomoedas? Acesse aqui a Maior Corretora do Mundo.

Como escolher uma Exchange de criptomoedas

Para escolher uma boa exchange, é preciso ficar atento a alguns pontos essenciais, como reputação, tempo de atividade, liquidez, volume negociado, principais ativos e taxas.

Segurança

Um dos primeiros pontos é avaliar a segurança da corretora de criptoativos. Para isso, pesquise quem são os donos, o histórico de idoneidade, a história da Exchange.

Procure a avaliação da exchange em sites de reclamação e também em fóruns na internet, verifique a experiência de outros usuários, os problemas mais comuns e a forma como a empresa lida com essas questões.

Além disso, avalie a questão da segurança na plataforma, se oferece opções de autenticação de dois fatores, captchas complexas, entre outros.

Taxas

Verifique quais são e o valor das taxas cobradas, mas lembre-se que apesar de ser um fator importante, ele não é o mais decisivo para a sua escolha.

Método de pagamento

Qual o método de pagamento você irá usar para negociar?

Alguns serviços permitem que você pague via cartão de débito e crédito, depósito bancário, pix, e outras criptomoedas.

Porém, dependendo do método pode haver a cobrança de uma taxa de conveniência.

Ativos oferecidos

Existem milhares de outros criptoativos além do Bitcoin.

Verifique quais as criptomoedas disponíveis em cada bolsa e quais as que têm interesse em negociar.

Liquidez

Avalie a liquidez da corretora cripto. Assim você não corre o risco de não ter seu pedido de compra ou venda atendido na hora que decidir.

Um bom indicador da liquidez da empresa é o volume de negociações

Principais Bolsas de Criptomoedas

O site CoinGecko classifica as bolsas de criptomoedas com base no Trust Score, um índice que mede diferentes fatores, entre eles a liquidez, atividade de negociação, escala, conhecimento técnico, segurança, entre outros.

Veja as 10 primeiras posições:

BolsaVolume (US$)Nº moedasNº pares de moedas
BinanceUS$ 63.313.658.1883021053
Coinbase PROUS$ 7.733.791.48859193
KrakenUS$ 3.090.827.98455281
Binance USUS$ 2.049.167.82352105
BitfinexUS$ 1.653.519.768136314
Crypto.comUS$ 455.705.49376150
Huobi GlobalUS$ 22.398.773.141323903
OKExUS$ 19.706.021.697258509
Gate.ioUS$ 3.445.925.6876751489
KuCoinUS$ 2.857.534.947317648

Binance

A Binance é a maior bolsa de criptomoedas do mundo em volume de negociação. É também uma das principais bolsas de altcoins.

Fundada em 2017 pelo desenvolvedor Changpeng Zhao, o CZ, seu ecossistema possui uma moeda própria, a Binance Coin (BNB) que oferece desconto nas transações.

A Binance também introduziu a SAFU (Secure Asset Fund for Users), que recolhe 10% de todas as taxas de negociação para devolver valores aos usuários em caso de hack.

A Exchange Binance é confiável, possui um site em português e aceita a moeda brasileira.

Quer Investir em Criptomoedas? Acesse aqui a Maior Corretora do Mundo.

Coinbase Pro

A Coinbase e a Coinbase Pro são as principais plataformas de troca de criptomoedas de propriedade da Coinbase Global Inc.

Fundada em 2012 por Brian Armstrong, um dos homens mais ricos do mundo em 2021, a Exchange teve recentemente suas ações listadas na Bolsa de Valores americana Nasdaq.

Kraken

A Kraken foi criada pelo CEO e cofundador Jesse Powell em 2011, mas lançou formalmente suas operações comerciais apenas em 2013.

Além de uma bolsa dedicada às criptomoedas, ela também facilita o câmbio de moedas fiduciárias, como o euro, iene, dólar, libra, etc.

Bitfinex

Bitfinex é uma bolsa de criptomoedas com sede em Hong Kong, de propriedade e operada pela iFinex Inc.

Apesar de ser bastante popular, se envolveu em vários escândalos nos últimos anos.

Crypto.com

A Crypto.com é uma plataforma de criptomoeda de Hong Kong que também possui seu token nativo, o CRO, utilizado em todas as verticais de seu ecossistema. 

Huobi

A Huobi foi fundada na China em 2013 por Leon Li com foco no público asiático. Nos últimos anos fez alguns ajustes de marca e hoje sua principal oferta é a Huobi Global, sua bolsa de criptografia global.

OKEx

OKEx é uma bolsa de criptomoedas com sede em Seychelles fundada em 2017  por Star Xu.

A plataforma oferece a negociação de várias criptomoedas. Algumas das principais características da bolsa incluem negociação à vista e derivativos.

Gate.io

Gate.io é uma das mais antigas exchanges de criptomoedas da China. Em operação desde 2013, foi rebatizada para Gate.io em 2017.

KuCoin

A bolsa de criptomoedas KuCoin foi fundada em 2017 por Michael Gan e Eric Don, dois experientes desenvolvedores  que participaram de projetos como Ant Financial e iBox PAY. 

O principal objetivo por trás da fundação do KuCoin era fornecer uma plataforma segura e fácil de usar para o público global negociar moedas digitais.

Como abrir conta em uma Exchange de criptomoedas?

Depois de escolher a melhor exchange para suas necessidades, é preciso entrar no site ou aplicativo e realizar um cadastro na plataforma.

Para comprar criptoativos, será necessário primeiro transferir dinheiro da sua conta corrente para a conta da Exchange.

Com o dinheiro ou criptomoedas já existentes na sua conta será possível realizar uma ordem de compra para adquirir o ativo desejado.

A compra de criptomoedas ocorre de forma semelhante ao processo de compra de ações, no qual é necessário inserir no sistema o código do ativo e a quantidade ou valor a ser negociado.

A cotação das criptomoedas é determinada única e exclusivamente pela oferta e demanda dos clientes.

Quer Investir em Criptomoedas? Acesse aqui a Maior Corretora do Mundo.

Qual a melhor Exchange de criptomoedas?

As bolsas de criptomoedas diferem em aspectos importantes, como taxas, cotações, volume negociado e número de criptoativos oferecidos.

A exchange ideal pode ser diferente para cada investidor de acordo com seus objetivos.

Independente da escolha, respeite seu perfil de investidor. Faça aqui o teste de perfil.

É recomendado não investir mais do que 5 a 10% do seu patrimônio em criptomoedas, por causa do risco e volatilidade.

Quer Investir em Criptomoedas? Acesse aqui a Maior Corretora do Mundo.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE