O que Faz C&A (CEAB3) e os Diferenciais da Empresa
| ,

O que Faz C&A (CEAB3) e os Diferenciais da Empresa

Conheça as estratégias utilizadas pela C&A ao longo da sua história, e saiba se a ação CEAB3 vale a pena.

Por
Atualizado em 03/07/2021

A C&A é uma das principais redes de fast fashion do mundo, composta por 1.800 lojas físicas espalhadas em 21 países.

Para acompanhar a transformação digital no mercado da moda, a C&A tem investido em logística e tecnologia.

O objetivo é aumentar a participação das vendas on-line no faturamento total da varejista de moda, e aumentar sua competitividade no mercado.

No entanto, a maior parte das vendas da companhia ainda é realizada por meio de lojas físicas, instaladas em maior parte em shopping centers.

Assim, como consequência da segunda onda de Covid-19 no início do ano, a companhia reportou um prejuízo de R$ 138,5 milhões no 1T21.

Veja neste artigo quais são os principais diferenciais da C&A, as estratégias implementadas pela empresa, seu ambiente competitivo e os catalisadores das ações CEAB3.

Leia até o final e descubra se a ação CEAB3 vale a pena.

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

O que é C&A

A C&A é uma das maiores varejistas do mundo, com 1.800 lojas em funcionamento em 21 países.

A companhia está listada no segmento Novo Mercado da B3, e suas ações são negociadas pelo código CEAB3.

Avaliada em R$ 4,3 bilhões, aproximadamente 34,52% (ON) do seu capital social é negociado livremente na B3.

Banner will be placed here

História da C&A

A história da C&A iniciou em 1841 quando os irmãos holandeses Clemens e August decidiram criar a primeira companhia têxtil da família Brenninkmeijer.

Pensando em levar o nome da família Brenninkmeijer para o varejo têxtil, os irmãos holandeses deram as iniciais de seus nomes à marca.

Embora a história da C&A tenha iniciado na década de 40, a companhia foi estar presente no Brasil apenas em 1976, com a fundação da primeira loja no Shopping Ibirapuera, em São Paulo.

Precursora do conceito “fast fashion” no país, as campanhas publicitárias com figuras ícones do mundo da moda como Sebastião Aparecido Fonseca e Gisele Bündchen, geraram bastante sucesso para a companhia nas décadas seguintes.

Após ter alcançado 100 lojas em operação, a C&A realizou uma parceria com o Banco Bradescard S.A. no ano de 2009, passando a também a oferecer produtos e serviços financeiros.

Em 2014, a companhia entrou no segmento on-line de vendas, ofertando todas as linhas de produtos encontradas nas lojas físicas também em seu e-commerce.

Em 2019, a companhia realizou o seu IPO (Initial Public Offering) e suas ações passaram a ser negociadas na B3, por meio do código CEAB3.

Recentemente, a companhia inaugurou uma loja C&A no Shopping Park Sul, na cidade de Volta Redonda, no Rio de Janeiro, alcançando o marco de 300 lojas físicas funcionando no Brasil.

Confira os principais acontecimentos que marcaram a história da C&A ao longo dos anos:

Linha do Tempo da C&A
1841Fundação da C&A.
2009C&A celebra uma parceria com o Banco Bradescard S.A. para as operações com produtos e serviços financeiros.
2014Criação do e-commerce da C&A.
2017Lançamento do aplicativo C&A.
2019IPO da C&A no Novo Mercado da B3.
2021C&A alcança o número de 300 lojas físicas funcionando do país.

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Estrutura Organizacional C&A

Confira abaixo a estrutura organizacional da empresa C&A e seus membros.

AdministraçãoMembro
PresidentePaulo Correa Junior
Diretor FinanceiroMilton Lucato Filho
Vice-Presidente ComercialFrancislei Cassio Donatti
Vice-Presidente de OperaçõesFernando Garcia Brossi
ConselhosEspecialista do Setor
AdministraçãoLuiz Antônio de Moraes Carvalho
ComitêsEspecialista do Setor
Auditoria & Gestão de RiscosThilo Mannhardt
Aceleração DigitalAlberto Serrentino
Recursos HumanosPeter Furukawa

Como CEAB3 Lucra?

A C&A lucra com a comercialização de roupas, acessórios, sapatos, cosméticos, entre outros itens.

Adicionalmente, a companhia também atua por meio de uma plataforma de marketplace e oferece produtos financeiros por meio da parceria com o Banco Bradespar.

A estrutura operacional na C&A é formada por 300 lojas físicas, 4 centros de distribuição, pelo seu e-commerce no endereço da web www.cea.com.br e pelo app C&A.

Veja a segmentação da receita líquida da C&A do 1T21:

Divisão de NegócioReceita Líquida (R$) – 1T21Participação (%)
Venda de mercadoriasR$ 708,4 milhões91,28%
Serviços FinanceirosR$ 62,5 milhões8,05%
Outras ReceitasR$ 5,2 milhões0,67%
TotalR$ 776,1 milhões100%

Cerca de 92% da receita líquida da C&A é originada com a venda de mercadorias.

Veja como o negócio de vestuário tem maior relevância na receita líquida total da companhia:

Divisão da Receita Líquida da C&A no 1T21
Fonte: Release C&A

Inserida no setor de consumo cíclico, o faturamento da companhia é bastante afetado pelo aumento da inflação e pelo arrefecimento do Produto Interno Bruto (PIB).

Veja no gráfico abaixo como existe uma correlação entre a margem líquida anual da C&A e o PIB:

Gráfico da Correlação entre a Margem Líquida Anual da C&A e o PIB
Fonte: Elaboração própria

Apesar das iniciativas da companhia para acelerar sua transformação digital durante o período de crise, apenas 13,74% de sua receita líquida no 1T21 foi originada por meio das vendas on-line.

Da mesma forma que suas principais concorrentes tiveram seu faturamento impactado pelas medidas de restrições de isolamento social, a C&A viu sua receita de mercadorias retrair -21,8% no 1T21.

O motivo foi o menor fluxo de pessoas nos shopping centers, onde estão instaladas a maioria das lojas físicas da companhia.

As vendas anuais dos shopping centers no Brasil recuaram para R$ 129 bilhões em 2020. Veja no gráfico abaixo:

Gráfico das Vendas Anuais dos Shoppings Centers no Brasil
Fonte: Formulário de Referência C&A

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Concorrentes Brasileiros da C&A

Ainda que a companhia compete com grandes nomes do varejo de vestuário brasileiro, a companhia tem um dos maiores faturamentos com a venda de mercadorias no país.

Apenas em 2020, a receita líquida com a venda de mercadorias da C&A totalizou R$ 3,9 bilhões, valor aproximado ao de suas principais concorrentes como Lojas Renner e Guararapes.

A companhia também é detentora de uma das maiores área de vendas. Veja no gráfico abaixo:

Gráfico da Área de Vendas dos Concorrentes da C&A
Fonte: Formulário de Referência C&A

Veja quais são os principais concorrentes brasileiros da C&A:

TickerEmpresaMarket Cap (R$)
LREN3Lojas RennerR$ 38,8 bilhões
GUAR3Guararapes R$ 10,2 bilhões
CEAB3C&AR$ 4,3 bilhões
AMAR3Lojas MarisaR$ 2,3 bilhões
HGTX3HeringR$ 5,5 bilhões

Apesar de ser destaque no setor de varejo brasileiro, a companhia deixou a desejar em alguns de seus indicadores financeiros:

TickerLucro por Ação (LPA) R$ Rent Patr Líq (ROE) %Margem Líquida %Dívida Bruta / Pat Líq %
LREN31,044117,5%12,9%71,7%
GUAR3-0,1694-1,7%-1,4%78,4%
CEAB3-0,8094-9,9%-6,4%48,3%
AMAR3-1,4463-40,0%-19,1%155,8%
HGTX32,200721,8%32,9%9,8%

Fonte: GuiaInvest

Vantagens Competitivas

  • Consolidada como uma das maiores empresas do setor varejista mundial.

Desvantagens Competitivas

  • Setor altamente competitivo;
  • Dependência de fornecedores estrangeiros poderá elevar o custo do produto adquirido.

Participação de Mercado da C&A

A C&A é a terceira maior loja do segmento de moda do país, considerando o faturamento bruto.

Veja o market share das maiores varejistas de moda do país:

EmpresaMarket Share (%)
Lojas Renner5,9%
Guararapes3,7%
C&A3,5%

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Desempenho Ações CEAB3

Inserida no setor de consumo cíclico, os principais catalisadores das ações da C&A são: crescimento da atividade econômica, andamento no processo de vacinação e crescimento nas vendas do varejo.

As ações da C&A (CEAB3) valorizaram 7,90% em 2021, e apresentaram uma alta de 35,71% nos últimos 12 meses.

Veja no gráfico abaixo o desempenho diário da ação CEAB3:

Gráfico do Desempenho Diário da Ação CEAB3
Gráfico do Desempenho Diário da Ação CEAB3. Fonte: GuiaInvest

C&A Vale a Pena Investir?

A C&A é uma das principais empresas no setor varejista de moda no país, e vivenciou diferentes ciclos econômicos.

Impactada pela crise sanitária, a C&A acumula um prejuízo de R$ 84,5 milhões nos últimos 12 meses.

Por sua vez, a melhora nos números da companhia, dependem da retomada econômica, níveis de inflação e aumento do consumo.

Para driblar a crise, a companhia tem investido na estratégia de omnicanalidade para aumentar as vendas e acompanhar as novas tendências do mercado.

Portanto, sua recuperação deve vir de forma gradual e depende da assertividade da empresa em implementar suas estratégias e entregar resultados mais sólidos.

Se você quer investir em ações com ótimos fundamentos e que estão sendo negociadas com desconto em relação ao seu preço justo, garanta a sua vaga na minha Carteira Ações para a Vida e receba o meu acompanhamento.

Mas se preferir investir por conta própria, baixe o checklist de 5 critérios para analisar uma ação, tenho certeza que vai lhe ajudar a tomar uma decisão mais assertiva.

Análise de Ações

Disclaimer: Declaro que as informações contidas neste texto são públicas e que refletem única e exclusivamente a minha visão independente sobre a companhia, sem refletir a opinião do The Capital Advisor ou de seus controladores.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE