O que é Nobel de Economia
SIMULE AGORA

Nobel de Economia

O que é Nobel de Economia. Entenda melhor o conceito de Nobel de Economia e descubra sua importância!

O que é Nobel de Economia

Nobel de Economia é considerada a premiação mais importante das ciências econômicas, entregue todos os anos aos economistas com as melhores contribuições.

Mais de um economista pode ser laureado com esse prêmio em um único ano, pois muitas vezes a autoria de um conceito advém de uma colaboração.

Vale ressaltar que o Nobel de Economia não faz distinção entre escolas econômicas defendidas pelos economistas proponentes e nem a nacionalidade destes.

Banner will be placed here

História do Nobel de Economia

Apesar da alcunha de Nobel de Economia, esse prêmio não tem nenhuma ligação com Alfred Nobel, que foi quem instituiu o prêmio Nobel por meio de seu testamento.

Na realidade, o Nobel de Economia foi criado em 1969, 68 anos depois que os primeiros prêmios começaram a ser entregues nas áreas de química, física, medicina, literatura e paz.

Quem de fato instituiu essa premiação foi o Banco Central da Suécia, e o seu nome oficial é Prêmio do Banco da Suécia para as Ciências Econômicas em Memória de Alfred Nobel.

E é justamente a menção feita a Alfred Nobel no nome que acabou confundindo as pessoas e fazendo com que elas começassem a chamar a premiação de Nobel de Economia.

No entanto, essa premiação é financiada com dinheiro público pelo Banco Central da Suécia, diferentemente dos prêmios Nobel originais, cujo financiamento é feito pela Fundação Nobel.

Temas abordados pelo Nobel de Economia

O Nobel de Economia não faz distinção entre qual escola econômica um economista defende, contanto que suas ideias sejam atuais. 

Entre alguns temas premiados pelo Nobel de Economia, podemos destacar:

  • Econometria: os dois primeiros ganhadores do Nobel de Economia, Ragnar Frisch e Jan Tinbergen, foram laureados pelos seus avanços neste tema;
  • Interdependência de fenômenos sociais, econômicos e institucionais: Friedrich Von Hayek junto de Gunnar Myrdal foram agraciados com o prêmio por suas contribuições neste campo.
  • Estabilização econômica: este foi um dos temas pelos quais o famoso economista Milton Friedman foi laureado em 1974. Os outros foram a análise do consumo e teoria monetária.
  • Dinâmica do mercado de capitais: um dos temas estudados por Franco Modigliani que o garantiram como vencedor de um Nobel de Economia;
  • Teoria dos jogos aplicada à economia: o inventor desse conceito foi John Nash, que além do Nobel de Economia também ganhou uma homenagem em filme, “Uma Mente Brilhante”.

E essa lista vai bastante longe, visto que já são mais de 50 anos de laureados pelo Nobel de Economia.

Últimos ganhadores do Nobel de Economia

Veja abaixo uma lista com os ganhadores do Nobel de Economia entre 2011 e 2020 e suas nacionalidades.

  • Thomas Sargent e Christopher Sims (Estados Unidos);
  • Lloyd Shapley e Alvin Roth (Estados Unidos);
  • Eugene Fama, Lars Peter Hansen e Robert Shiller (Estados Unidos);
  • Jean Tirole (França);
  • Angus Deaton (Reino Unido/Estados Unidos);
  • Oliver Hart (Reino Unido/Estados Unidos);
  • Richard Thaler (Estados Unidos);
  • William Nordhaus e Paul Romer (Estados Unidos);
  • Abhijit Banerjee e Michael Kremer (Estados Unidos); 
  • Paul Milgrom (Estados Unidos) e Robert Wilson (Estados Unidos).

Seleção dos ganhadores

A instituição que gere o Nobel de Economia convida os principais centros de pesquisa econômica para que indiquem nomes ao prêmio.

Estes nomes são escolhidos com base nos seus trabalhos publicados e na relevância que os temas possuem para a contemporaneidade.

Durante o processo de escolha dos nomes, especialistas prestam auxílio ao comitê organizador que estipula uma lista com os principais indicados.

Estes nomes são enviados para aprovação da Real Academia de Ciências Econômicas da Suécia por volta de Setembro. 

O vencedor é anunciado depois das outras categorias do Nobel, no dia 10 de Dezembro, que é a data em que faleceu Alfred Nobel.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE