Elon Musk está em seu período mais longo sem postar no Twitter em quase cinco anos, um hiato de nove dias que ocorre em meio a esforços tumultuados para concluir seu acordo planejado de US$ 44 bilhões para comprar a plataforma.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

O bilionário CEO da Tesla (TSLA34) postou pela última vez em 21 de junho, marcando quinta-feira como o silêncio mais prolongado desde outubro de 2017.

Desde janeiro de 2018, ele não passou mais de seis dias sem twittar, de acordo com o Wall Street Journal.

Desde então, ele fez algumas pausas de quatro dias, mais recentemente em janeiro passado, mostra a análise.

A saída de Musk do Twitter segue um período recente em que ele foi especialmente ativo na plataforma, com um fluxo constante de postagens sobre o acordo, nas quais ele falou sobre suas críticas à empresa e suas políticas, bem como seus planos.

Das dez semanas com mais tweets de Musk desde que ele ingressou na plataforma há mais de uma década, cinco ocorreram desde 1º de abril.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

A grande participação de Musk nas ações do Twitter se tornou pública em 4 de abril e ele chegou ao acordo para adquiri-la no dia 25 do mesmo mês.

Não foi possível determinar por que Musk, que administra a Tesla e a SpaceX, está ausente do Twitter.

Ele usa a plataforma há muito tempo como principal canal de comunicação sobre diversos assuntos, desde lançamentos de foguetes pela SpaceX, a uma pergunta sobre queijo, até expressar opiniões sobre a política americana.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Ao contrário da maioria dos outros usuários com muitos seguidores, ele geralmente reage ou responde a postagens de outras pessoas.

A diferença surge enquanto Musk faz malabarismos com vários negócios e lida com assuntos pessoais.

Fonte: Estadão Conteúdo.