O que é multinacional

Multinacional é a empresa que possui filiais em países diferentes daquele na qual está instalada a sede da empresa.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Empresas multinacionais são geralmente consideradas empresas de grande porte, devido ao seu poder financeiro, número de funcionários e presença internacional.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Como funciona uma multinacional

Imagine que determinada empresa domina o mercado interno do seu país e busca alternativas para crescer ainda mais e aumentar o seu volume de vendas ou serviços prestados, qual alternativa essa empresa pode encontrar?

Na maior parte dos casos, as empresas que já dominaram por completo o seu país de origem começam a criar ramificações em outros países e mercados, ramificando a sua marca e desenvolvendo uma presença global.

Marcando presença em outros países, uma multinacional pode conquistar novos mercados e grupos consumidores, aumentando assim as suas receitas, possibilidades de crescimento, importância para a sociedade e poder econômico.

Além dos benefícios relacionados ao crescimento, é comum que algumas empresas migrem parte das suas operações para países que oferecem mais benefícios do ponto de vista econômico e fiscal.

Dentre os benefícios que fazem com que algumas empresas decidam atuar no mercado internacional, estão pontos como redução de impostos sobre determinados produtos e ampliação do mercado consumidor.

Multinacional com origem brasileira

Algumas empresas brasileiras são consideradas uma multinacional, dentre elas, a WEG (WEGE3), empresa do setor industrial que atua na produção de componentes, equipamentos elétricos e vernizes.

A WEG iniciou suas operações no Brasil em 1961, anos depois a empresa dominou o mercado nacional e decidiu expandir suas operações, primeiramente para países vizinhos e mais tarde para outros continentes.

Atualmente, a WEG marca presença nos 5 continentes, possui fábricas e representações em outros países.

Em razão da sua presença internacional, a WEG consegue distribuir e comercializar seus produtos em mais de 135 países ao redor do mundo, fato que sem dúvidas, contribui para seus resultados operacionais.

Além da WEG, existem outras empresas brasileiras que figuram como multinacionais, dentre elas:

  • Gerdau (GGBR4);
  • Vale (VALE3);
  • Itaú (ITUB4);
  • Suzano (SUZB3);

Vale destacar que muitas empresas que conhecemos aqui no Brasil são na verdade multinacionais com sede em outros países, dentre elas:

  • Fiat (Itália);
  • Coca-Cola (EUA);
  • Samsung (Coréia do sul);
  • Dell (EUA);
  • Sony (Japão);
  • Volkswagen (Alemanha).

Como funciona a tributção para empresa multinacional

A legislação tributária brasileira é naturalmente complexa, no entanto, essa complexidade pode ser ainda maior quando tratamos de uma empresa multinacional.

No Brasil, qualquer empresa multinacional é enquadrada no Lucro Real, sendo este considerado o regime mais complexo de nossa legislação.

Empresas tributadas no Lucro Real, contribuem com os seguintes impostos federais e alíquotas:

  • COFINS: 7,6%
  • PIS: 1,65% 
  • IRPJ: 15% 
  • CSLL: 9%

Dentre os impostos listados acima, o IRPJ e a CSLL são calculados sobre os lucros da multinacional, enquanto que o PIS e o COFINS sobre o faturamento da empresa.

Vale destacar que em razão da presença multinacional, as companhias que possuem filiais em mais de um país, precisa fazer com que suas filiais respeitem a legislação tributária vigente em cada país.

Na prática, é possível que a mesma empresa pague mais tributos em alguns países quando comparado a outros.

Multinacional na Bolsa de Valores

Na Bolsa de Valores, empresas multinacionais costumam fazer sucesso entre os investidores, em razão da solidez financeira e diversificação de mercados demonstrada por cada uma delas.

Além disso, as multinacionais estão expostas a variações cambiais e moedas fortes, como o dólar, o que pode ser vantajoso para empresas multinacionais com origem em países de moeda fraca como o Brasil.

Para as empresas brasileiras, faturar em dólar é uma excelente oportunidade para garantir lucratividade superior à média do mercado nacional, por exemplo.