O que é moneyness

Moneyness é uma classificação na negociação de opções que descreve a relação entre o preço de exercício de uma opção e o preço de negociação atual de seu ativo subjacente, como por exemplo, determinadas ações.

O caráter monetário de um contrato de opções pode ser classificado com base nos seguintes estados:

  • Out of the Money;
  • At the Money;
  • In the Money;
  • Near the Money.

Na sequência, conheceremos mais detalhes sobre cada estado da classificação moneyness.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Moneyness - Out of the Money

Os contratos de opções estão em um estado (moneyness) out of the money quando o título subjacente é negociado a um preço que não é favorável para o detentor desses contratos.

Uma opção de compra estaria out of the money se o preço de exercício fosse superior ao preço do título subjacente, enquanto uma opção de venda estaria out of the money se o preço de exercício fosse inferior ao preço do título subjacente.

Lembre-se de que o preço de uma opção é composto por dois componentes: valor intrínseco e valor extrínseco.

O valor intrínseco está relacionado a qualquer lucro embutido que existe em uma opção, enquanto o valor extrínseco é afetado por outros fatores, como a quantidade de tempo restante até o vencimento.

Como os contratos out of the money não têm lucro embutido, seu preço é composto inteiramente de valor extrínseco e geralmente são as opções mais baratas de compra. 

Eles podem oferecer a oportunidade de grandes lucros, mas pode ser preciso um movimento significativo no preço do título subjacente para que eles ganhem qualquer valor intrínseco.

Moneyness - At the Money

Opções em que o preço de exercício é igual ao preço do título subjacente possuem classificação (moneyness) no  estado at the money. 

As opções at the money não possuem valor intrínseco, de modo que seu preço é composto inteiramente pelo seu valor extrínseco. 

Vale destacar que os contratos de opções at the money são mais caros do que os contratos out of money, porque o preço do título subjacente tem que se mover menos para criar valor intrínseco. 

Em geral, considera-se que os contratos de opções at the money fornecem um bom equilíbrio entre risco e recompensa.

É importante destacar, que embora  a definição estrita de opções at the money seja aquela em que o preço de exercício é exatamente igual ao preço do título subjacente. 

Vale ressaltar que tal situação é rara, dados os preços sempre variáveis ​​das ações e de outros instrumentos financeiros.

Sendo assim, pode-se dizer que as opções at the money são aquelas onde o título subjacente está dentro de alguns centavos de diferença do preço de exercício. 

Moneyness - In the Money

In the money é o estado (moneyness) destinado a opções que realmente possuem algum valor intrínseco. 

Uma opção de compra estaria in the money quando o preço do título subjacente for superior ao preço de exercício, enquanto uma opção de venda estaria in the money quando o preço do título subjacente fosse inferior ao preço de exercício.

Basicamente, as opções in the money são aquelas que podem ser exercidas com lucro. Por terem algum lucro embutido, geralmente são as opções mais caras. 

Para quem possui contratos in the money em que a data de vencimento está se aproximando, é sempre uma boa ideia considerar vendê-los.

Isso acontece pois apesar de um investidor possuir determinadas opções de compra, ele pode não ter interesse em efetivar a compra do ativo, mas apenas especular por meio de contratos, obtendo lucros.

Near the Money 

Near the money não é um dos três estados padrão (moneyness) de opções, mas ainda é um termo bastante usado. 

Near the money, são aqueles contratos onde o preço de exercício está muito próximo do preço do título subjacente. 

Contratos near the money são frequentemente usados ​​por traders que operam na bolsa de valores.