O que é monetização

Monetização é a técnica que permite a geração de receitas a partir de um item, seja ele, um produto, um serviço ou até mesmo títulos e ativos do mercado financeiro.

Na prática, podemos dizer que monetizar é o mesmo que lucrar, ou seja, gerar retorno, seja em um negócio ou no mercado de capitais. 

A capacidade de monetização e geração de retorno é o que atrai as pessoas a empreender e também a investir.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Como funciona a monetização na prática

Monetização ou monetizar é a arte de transformar algo em dinheiro, ou seja, em retorno para o bolso de investidores e empreendedores ou então para o caixa das empresas.

Para facilitar o entendimento sobre a monetização, vamos a um exemplo prático:

A montadora de veículos XYZ desenvolve e fabrica diferentes modelos de veículos, um desses modelos, possui custo de produção, incluindo impostos de R$ 70.000,00 no entanto, é comercializado no mercado por R$ 100.000,00.

Sendo assim, a montadora registra um lucro de R$ 30.000,00 a cada veículo do modelo em análise que é vendido.

Na prática, quando uma venda ocorre e a montadora registra lucro, na prática, ela simplesmente gerou a monetização de um bem, ou seja, gerou receitas através dele.

Semelhantemente, também podemos observar a monetização na prática através do mercado financeiro. 

Vejamos um segundo exemplo:

João, investe na Bolsa de Valores regularmente e em determinado momento decidiu pela compra de 100 ações (lote padrão) da empresa XYZ. 

No momento da compra, cada ação custou para João, o equivalente a R$ 10,00.

Sendo assim, o investimento de João nas ações da empresa XYZ, foi de R$ 1.000,00.

Com o tempo, a escolha de João mostrou-se assertiva e as ações em questão sofreram valorização, dobrando de preço e saltando para R$ 20,00.

Diante desse incrível resultado, João decide vender suas ações, recebendo R$ 2.000,00 pela venda, um lucro de R$ 1.000,00, ou simplesmente uma monetização de R$ 1.000,00.

Podemos dizer que João monetizou suas ações, ou seja, gerou renda e lucrou com elas.

Monetização da dívida governamental

A monetização da dívida é uma das alternativas para o financiamento de despesas do governo pelo banco central. 

Na prática, se as despesas de uma nação excedem suas receitas, estamos diante de um déficit que pode ser financiado de diferentes formas, dentre elas:

  • Emissão de títulos de renda fixa, como Tesouro Direto;
  • Emissão de papel moeda.

Vale destacar que a monetização da dívida pública através da impressão de papel moeda pode elevar significativamente a inflação.

Monetização nas mídias digitais

Nos dias atuais a monetização ganhou força principalmente na internet através de aplicativos, sites e das redes sociais.

O Google, por exemplo, conseguiu monetizar os seus serviços de busca, cobrando a empresas e pessoas interessadas por anúncios que aparecem em posição de destaque nos resultados de busca.

Por sua vez, o Facebook, uma das mais relevantes redes sociais do mundo, foi capaz de monetizar a sua plataforma vendendo para empresas e anunciantes espaços para divulgação de seus produtos e serviços.

Outra plataforma que faz uso da monetização de espaços de publicidade é o Spotify, que foi capaz de monetizar seu serviço de streaming ao incorporar publicidade visual e de áudio em sua plataforma para usuários gratuitos. 

Serviços como o Youtube também conquistaram a monetização através da venda de espaço para anúncio no início e durante os vídeos distribuídos através da sua plataforma.

Com o avanço da internet, os meios para monetização crescem em larga escala e é cada vez maior o número de interessados em alternativas para monetizar, ou seja, gerar dinheiro.